Exportar registro bibliográfico

Estudo biomecânico da participação do estabilizador transversal na estabilidade mecânica do fixador interno (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: GÓIS, ANTONIO LUIZ ALMEIDA - FMRP
  • Unidades: FMRP
  • Sigla do Departamento: RAL
  • Subjects: BIOMECÂNICA; FRATURAS (REABILITAÇÃO); PARAFUSOS (FIXAÇÃO)
  • Language: Português
  • Abstract: Foi realizado estudo experimental com a finalidade de determinar a participação do estabilizador transversal na estabilidade mecânica das fixações vertebrais com o fixador interno. Foram utilizados dois blocos de madeira mogno, que simulavam o segmento vertebral, e estabilizados com o fixador interno em uma situação de corpectomia da coluna vertebral. Foram formados quatro grupos experimentais de acordo com a configuração da montagem do implante considerando-se o posicionamento e o número de estabilizadores transversais: Grupo A -montagem sem estabilizador transversal; Grupo B -montagem com um estabilizador transversal posicionado horizontalmente; Grupo C -montagem com um estabilizador transversal posicionado obliquamente; e Grupo D -montagem com dois estabilizadores transversais. Cada grupo foi formado por cinco conjuntos de blocos de madeira e fixador interno, que foram submetidos a ensaios mecânicos não destrutivos e estáticos do tipo flexo-compressão, flexão lateral e torção, representando os principais esforços aplicados sobre a coluna vertebral. Os ensaios mecânicos foram efetuados na fase elástica de resistência do material com deflexões máximas de 1,5 mm, 2,0 mm e 9,'5GRAUS', respectivamente, e realizados em uma máquina universal de ensaios. A estabilidade mecânica das montagens foi estudada por meio de três propriedades mecânicas: momentos fletor e torsional, rigidez e energia absorvida, que foram obtidas da curva carga x deflexão resultante de cadaensaio mecânico. Considerando-se o número de estabilizadores transversais, observamos que o uso de um estabilizador transversal na montagem do fixador interno aumentou significativamente (p<0,001) o momento torsional e fletor, rigidez e energia absorvida nos ensaios mecânicos de torção e de flexão lateral, porém não apresentou nenhum efeito significativo sobre os respectivos parâmetros estudados nos ensaios de flexo-compressão. A adição de dois ... estabilizadores transversais aumentou de forma significativa (p<0,001) os parâmetros estudados apenas nos ensaios de torção em relação à utilização de um estabilizador transversal. Considerando-se o posicionamento do estabilizador transversal, observamos que não houve diferença significativa nos parâmetros estudados entre a aplicação do estabilizador transversal horizontal ou oblíquo nos planos avaliados. O estabilizador transversal utilizado aumenta a estabilidade mecânica do fixador interno nos ensaios de torção (estabilidade no plano de rotação axial) e de flexão lateral (estabilidade no plano frontal), porém não influencia na estabilidade mecânica do fixador interno nos ensaios de flexo-compressão (estabilidade no plano sagital). O uso de dois estabilizadores transversais fornece maior estabilidade rotacional ao sistema de fixação. A variação do posicionamento do estabilizador transversal de horizontal para oblíquo não altera significativamente a estabilidade mecânica da montagem nosplanos estudados
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.08.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GÓIS, Antonio Luiz Almeida; DEFINO, Helton Luiz Aparecido. Estudo biomecânico da participação do estabilizador transversal na estabilidade mecânica do fixador interno. 2004.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2004.
    • APA

      Góis, A. L. A., & Defino, H. L. A. (2004). Estudo biomecânico da participação do estabilizador transversal na estabilidade mecânica do fixador interno. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Góis ALA, Defino HLA. Estudo biomecânico da participação do estabilizador transversal na estabilidade mecânica do fixador interno. 2004 ;
    • Vancouver

      Góis ALA, Defino HLA. Estudo biomecânico da participação do estabilizador transversal na estabilidade mecânica do fixador interno. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019