Exportar registro bibliográfico

Estudo do comportamento à expansão de materiais sedimentares da formação Guabirotuba em ensaios com sucção controlada (2004)

  • Authors:
  • Autor USP: PEREIRA, ELIANA MARTINS - EESC
  • Unidade: EESC
  • Sigla do Departamento: SGS
  • Subjects: SEDIMENTOLOGIA; MINERALOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho tem como objetivo principal estudar a influência das variações de sucção no comportamento à expansão dos materiais sedimentares da Formação Guabirotuba, aflorantes na região metropolitana de Curitiba-PR. Foram coletadas amostras indeformadas em cinco pontos característicos dos materiais com maior potencial expansivo na região. As amostras foram, inicialmente, submetidas a ensaios de caracterização para determinação da composição mineralógica da fração fina, da textura, dos índices físicos, dos limites de consistência, da capacidade de troca de cátions e da distribuição de poros. As curvas de retenção de água foram determinadas por ensaios em câmara de pressão, pelo método do papel de filtro e do dessecador de vácuo. Os ensaios de pressão de expansão foram conduzidos em amostras nas quais a sucção foi imposta mediante o uso de soluções salinas. O umedecimento para provocar a expansão foi realizado tanto por inundação da amostra com água, em ensaios edométricos convencionais, quanto por transferência de vapor, utilizando-se um edômetro, similar ao de Esteban e Sáez (1988), especialmente construído para ser utilizado nessa pesquisa. Os resultados dos ensaios edométricos convencionais mostraram pressões de expansão crescentes com aumento das sucções impostas, atingindo valores de até 4189 KPa para as sucções altas, a amostra mais expansiva. Em contrapartida, os resultados provenientes do edômetro com controle de sucção não acusaram pressão de expansão,nos mesmos materiais e para as mesmas faixas de sucção. Atribui-se este fato às diferenças no processo e na velocidade de umedecimento do material. Constatou-se também neste trabalho que os valores de pressão de expansão, para sucções menores que 1000 KPa são insignificantes nos materiais estudados. Observou-se ainda, a partir de correlações entre atributos mineralógicos e as pressões de expansão, que existe acentuada influência da mineralogia na previsão do potencial expansivo quando a sucção é baixa, porém, quando a sucção cresce, a previsibilidade a partir da mineralogia diminui significativamente
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.08.2004
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEREIRA, Eliana Martins; PEJON, Osni José. Estudo do comportamento à expansão de materiais sedimentares da formação Guabirotuba em ensaios com sucção controlada. 2004.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18132/tde-09052006-144706/ >.
    • APA

      Pereira, E. M., & Pejon, O. J. (2004). Estudo do comportamento à expansão de materiais sedimentares da formação Guabirotuba em ensaios com sucção controlada. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18132/tde-09052006-144706/
    • NLM

      Pereira EM, Pejon OJ. Estudo do comportamento à expansão de materiais sedimentares da formação Guabirotuba em ensaios com sucção controlada [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18132/tde-09052006-144706/
    • Vancouver

      Pereira EM, Pejon OJ. Estudo do comportamento à expansão de materiais sedimentares da formação Guabirotuba em ensaios com sucção controlada [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18132/tde-09052006-144706/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021