Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estabilidade e eficiência de um reator anaeróbio de leito fixo com agitação operado em batelada seqüencial em função da diluição inicial de esgoto sintético (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BEZERRA JUNIOR, ROBERTO ANTONIO - EESC
  • Unidades: EESC
  • Sigla do Departamento: SHS
  • Subjects: REATORES ANAERÓBIOS; AFLUENTES
  • Language: Português
  • Abstract: Dentro do escopo de estudo de aspectos fundamentais e tecnológicos, este trabalho foi direcionado à avaliação do comportamento da estabilidade e da eficiência de um reator anaeróbio contendo biomassa imobilizada em espuma de poliuretano para o tratamento de água residuária sintética com concentração de aproximadamente 500 mgDQO/L. O reator, de 6 litros de volume nominal, mantido à temperatura de 30 mais ou menos 1 grau Celsius e sob a agitação mecânica de 500 rpm, foi operado em bateladas seqüenciais com a renovação de apenas parte do volume de água residuária tratada por ciclo, ou seja, a descarga do reator não foi completa, mas apenas parcial. Neste contexto, a principal característica operacional investigada foi a relação entre o volume de água residuária afluente, o qual era alimentado a cada novo ciclo de operação, e o volume de meio contido no reator, o qual não era descarregado no ciclo anterior, mantendo-se a mesma carga orgânica volumétrica. Desta forma, foi possível verificar a flexibilidade operacional do sistema com relação ao volume de água residuária tratada a cada ciclo e o tempo de duração do ciclo para uma mesma carga orgânica. Os resultados indicaram que o reator pôde operar com diferentes relações entre o volume alimentado e o volume de meio reacional sem diminuição significativa do seu desempenho, permitindo-se, assim, maior flexibilidade operacional. Para as condições em que o volume renovado foi maior ou igual a 50% do volume de meio do reator(ciclos de 4 a 8 horas), as eficiências de remoção de matéria orgânica filtrada e não filtrada mantiveram-se no patamar de 84 e 79%, respectivamente, enquanto que nas demais condições de maior diluição inicial do afluente (ciclos de 1 e 2 horas), essas eficiências foram ligeiramente menores, em torno de 80 e 74%, respectivamente. A alta velocidade de formação de material viscoso de aparência polimérica, nas condições de maior diluição inicial do afluente, dificultou a manutenção do volume de meio reacional do reator constante
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.07.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BEZERRA JÚNIOR, Roberto Antonio; RODRIGUES, José Alberto Domingues. Estabilidade e eficiência de um reator anaeróbio de leito fixo com agitação operado em batelada seqüencial em função da diluição inicial de esgoto sintético. 2004.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-20042016-095657/pt-br.php >.
    • APA

      Bezerra Júnior, R. A., & Rodrigues, J. A. D. (2004). Estabilidade e eficiência de um reator anaeróbio de leito fixo com agitação operado em batelada seqüencial em função da diluição inicial de esgoto sintético. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-20042016-095657/pt-br.php
    • NLM

      Bezerra Júnior RA, Rodrigues JAD. Estabilidade e eficiência de um reator anaeróbio de leito fixo com agitação operado em batelada seqüencial em função da diluição inicial de esgoto sintético [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-20042016-095657/pt-br.php
    • Vancouver

      Bezerra Júnior RA, Rodrigues JAD. Estabilidade e eficiência de um reator anaeróbio de leito fixo com agitação operado em batelada seqüencial em função da diluição inicial de esgoto sintético [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-20042016-095657/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019