Exportar registro bibliográfico

Fracionamento da produção primária em dois sistemas com diferentes níveis tróficos no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga, São Paulo (2004)

  • Authors:
  • Autor USP: GIL, FRANCISCA GIL - IB
  • Unidade: IB
  • Sigla do Departamento: BIE
  • Subjects: FITOPLÂNCTON; ECOLOGIA AQUÁTICA; ALGAS DE ÁGUA DOCE
  • Language: Português
  • Abstract: Os ecossistemas tropicais possuem estrutura complexa sobre a qual interagem fatores climáticos, físicos, químicos e antrópicos. Os estudos de produção primária também contribuem para o entendimento do metabolismo de ciclagem de nutrientes e de distribuição de recursos nos sistemas aquáticos. Foram presentemente estudados dois reservatórios, localmente chamados lagos, o lago das Ninféias ('23 GRAUS' 38', 8,9"S e '46 GRAUS' 37' 16,3" W) e o lago das Graças ('23 GRAUS' 38' 40,6"S e '46 GRAUS' 37' 28,0"W), ambos pertencentes à mesma bacia hidrogáfica e situados na área da Reserva Biológica do Parque Estadual das Fontes do Ipiranga (PEFI), que se localiza na porção sul do Município de São Paulo, região sudente do Brasil. O Lago das Ninféias é um ambiente mesotrófico raso ('Z IND.máx' = 3,2 m, 'Z IND. eu média= 2,3 m) não sujeito à ação antrópica. O Lago das Garças é um ambiente eutrófico raso ('Z IND.máx' = 4,7 m) altamente contaminado por esgoto doméstico e de origem da lavagem dos recintos de animais do Parque Zoológico. As coletas foram realizadas mensalmente em cada um dos reservatórios, durante 14 meses sucessivos, de novembro de 2000 a dezembro de 2001, em cada uma das seguntes profundidades no Lago das Ninféias (sub-superfície, 1 m, 2 m e funfo) e no Lago das Garças (sub-superfície, 0,5m, 1 m, 2 m, 3 m e fundo). Foram realizadas as seguintes análises físicas e químicas da água: temperatura, transparência, condutividade elétrica, turbidez, oxigêniodissolvido, alcalinidade, pH, nitrogåenio total, amônio, nitrito, nitrato, fósforo total, ortofosfato, fósforo total dissolvido e silicato. A informação climática foi cedida pela Estação Meteorológica Dr Alexandre Postoiev e constou do seguinte: temperatura do ar, radiação solar, insolação, ventos e duração do período solar. toda essa informação destinou-se, basicamente, a conhecer o comportamento témico de cada um dos dos sistemas. Foram coletadas amostras de fitoplâncton para análise dos teores de clorofila a total e fracionada (biomassa) utilizando método do carbono radioativo 'ANTIND.14 C' como marcador, sendo as amostras incubadas no próprio local de amostragem para determinação da produção primária. A seguir foram separadas, no laboratório, as frações do fitoplâncton através da associação de malhas de porosidade diferente obtendo-se cinco classes de tamanhos distintos na comunidade (> 100 'mü'm, 50-100 'mü'm, 20-50 'mü'm, 1,2-20 'mü'm e < 1,2 'mü'm). Todas as informações coletadas foram analisadas através de estatística multivariada com o objetivo de descrever os ambientes. A distribuição heterogênea dos organismos fitoplanctônicos foi condicionada aos ciclos de estratificação e mistura do sistema, à disponibilidade de nutrientes e à intensidade de predação. Assim, no Lago das Ninféias o fator limitante da produção primária foi a disponibilidade de nutrientes na coluna d'água que esteve, por sua vez, sujeita ao regime deestratificação térmica (estratificação de verão e isotermia de inverno), à intensidade das chuvas e ao tempo de residência da água no sistema. A produção primária total anual foi de 111,92 'gC.m POT.-2'. 'ano POT.-1', enquanto que a fracionada foi a seguinte conforme a fração medida: fração > 100 'mü'm = 5,5 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1'; fração 50-100 'mü'm = 9,14 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1'; fração 20-50 'mü'm = 17,43 'gC.m POT-2'.'ano POT-1'; fração 1,2-20 'mü'm = 81,2 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1'; e fração <1,2 'mü'm = 1,33 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1'. As algas nanoplantônicas contribuíram com 61% da biomassa e a produção primáriamédia de 68,7% do total no sistema. No Lago das Garças, também foram registrados períodos de estratificação (verão) e isotermia (inverno) , no entanto, a entrada de nutrientes através de esgoto doméstico e do Parque Zoológico promoveu ciclos de produção e decomposição que assumiram importância relevante tanto na produção primária (ca 100 vezes maior que a do lago das Ninféias) quanto na quantidade de biomassa e sua localização na coluna d'água. Os maiores valores foram registrados na camada que vai da sub-superfície até 0,5m de profundidade. O Lago das Garças alcançou, por ser um ambiente dinâmico, polimítico e com a zona eutrófica reduzida à camada superficial ('Z IND.eu média' = 0,5m), valores de produção primária anual de 1542,2 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1', enquanto que a fracionada foi a seguinte conforme a ração medida:fração > 100 'mü'm = 293,6 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1'; fração 20-50 'mü' = 285,5 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1'; fração 1,2-20 'mü'm = 913,4 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1'; e fração < 1,2 'mü'm = 67,7 'gC.m POT.-2'.'ano POT.-1'. Em síntese, as algas nanoplanctônicas contribuíram com 77% da biomassa total e com 39,8-87,2% da produção durante o período de estudo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.05.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GIL-GIL, Francisca; BICUDO, Carlos Eduardo de Mattos. Fracionamento da produção primária em dois sistemas com diferentes níveis tróficos no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga, São Paulo. 2004.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.
    • APA

      Gil-Gil, F., & Bicudo, C. E. de M. (2004). Fracionamento da produção primária em dois sistemas com diferentes níveis tróficos no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga, São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Gil-Gil F, Bicudo CE de M. Fracionamento da produção primária em dois sistemas com diferentes níveis tróficos no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga, São Paulo. 2004 ;
    • Vancouver

      Gil-Gil F, Bicudo CE de M. Fracionamento da produção primária em dois sistemas com diferentes níveis tróficos no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga, São Paulo. 2004 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021