Exportar registro bibliográfico

Explorando recursos de estatística espacial para análise da acessibilidade da cidade de Bauru (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: KREMPI, ANA PAULA - EESC
  • Unidades: EESC
  • Sigla do Departamento: STT
  • Subjects: SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA; ESTATÍSTICAS ESPACIAIS
  • Language: Português
  • Abstract: A acessibilidade está relacionada com a maneira como a disponibilidade de transportes e os usos do solo afetam os indivíduos na realização de viagens para o desenvolvimento de suas atividades habituais. Freqüentemente se assume que os moradores de baixa renda da periferia são os mais afetados pela falta de acesso aos meios de transporte. A questão subjacente a esta afirmação, no entanto, permanece sem uma resposta definitiva: o nível de renda, por si só, seria um indicativo do nível de acessibilidade? O objetivo deste estudo é explorar a união de ferramentas de estatística espacial e SIG (Sistema de Informações Geográficas) com um propósito específico, que é o de analisar as relações entre aspectos da distribuição espacial de características da população (como a renda, por exemplo) de uma cidade média brasileira e os diversos níveis de acessibilidade por diferentes modos de transporte nela observados, buscando possíveis respostas para esta pergunta. Quando se utiliza procedimentos de visualização e classificação de dados espaciais comuns em SIG, nem sempre as informações são diretamente perceptíveis. Logo, deve-se utilizar ferramentas que ampliem as possibilidades de compreensão e análise dos dados. Inicialmente, as ferramentas selecionadas para uso neste trabalho são apresentadas e discutidas quanto à sua aplicação e utilização na análise proposta. Para tal foram utilizados dados coletados em uma pesquisa origem-destino (O-D) realizada na cidade de Bauru-SP,agrupados por setores censitários e adicionados ao SIG, aplicando técnicas de estatística espacial utilizadas para entidades do tipo área. Os resultados obtidos são apresentados na forma de mapas e de índices que medem a associação espacial global e local entre estas zonas. Uma das conclusões interessantes da aplicação foi a identificação de regiões da cidade com dinâmica particular, que contrariam o padrão global observado nas demais partes da área urbana. Pôde-se constatar ainda particularidades a respeito do uso de cada modo de transportes. O modo automóvel como motorista, por exemplo, possui agrupamento espacial bem definido no nível de renda alta tanto nas regiões de periferia, como nas de transição e central. Já o modo ônibus é predominantemente utilizado nas zonas de renda baixa das regiões de periferia e transição, enquanto que os modos não motorizados possuem uma dinâmica bem diversificada em toda a área urbana. Estes e outros resultados do estudo de caso deixam claro que as análises de estatística espacial em ambiente SIG criam uma ferramenta para ampliar a análise convencional de acessibilidade em transportes
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 04.06.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KREMPI, Ana Paula; SILVA, Antônio Nélson Rodrigues da. Explorando recursos de estatística espacial para análise da acessibilidade da cidade de Bauru. 2004.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18137/tde-10032005-064613/ >.
    • APA

      Krempi, A. P., & Silva, A. N. R. da. (2004). Explorando recursos de estatística espacial para análise da acessibilidade da cidade de Bauru. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18137/tde-10032005-064613/
    • NLM

      Krempi AP, Silva ANR da. Explorando recursos de estatística espacial para análise da acessibilidade da cidade de Bauru [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18137/tde-10032005-064613/
    • Vancouver

      Krempi AP, Silva ANR da. Explorando recursos de estatística espacial para análise da acessibilidade da cidade de Bauru [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18137/tde-10032005-064613/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020