Exportar registro bibliográfico

Contribuições de compostos antropogênicos e biogênicos na atmosfera da cidade de São Paulo (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: POOL, CRISTINA SALVADOR - IQ
  • Unidades: IQ
  • Sigla do Departamento: QFL
  • Subjects: QUÍMICA ATMOSFÉRICA; QUÍMICA AMBIENTAL; POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA
  • Language: Português
  • Abstract: Uma importante classe de poluentes do ar são os compostos orgânicos voláteis (VOCs), comumente encontrados na atmosfera de centros urbanos e industriais, em quantidades muito baixas. Os VOCs contribuem para episódios sérios de poluição. Eles participam ativamente na formação do smog fotoquímico, problema encontrado em muitos centros urbanos. Além do efeito tóxico à saúde humana, os VOCs podem apresentar impactos indiretos via produção fotoquímica de ozônio. Alguns VOCs encontrados no ar urbano são carcinogênicos. Diante do papel importante dos VOCs na química atmosférica, o objetivo geral deste projeto de pesquisa foi avaliar os VOCs emitidos por fontes antropogênicas e biogênicas na atmosfera urbana da cidade de São Paulo. As emissões antropogênicas foram avaliadas através de estudos de emissões veiculares em dois túneis da cidade de São Paulo. A atmosfera de um túnel fornece condições apropriadas para a medida da composição média das emissões veiculares. A caracterização química da atmosfera dos túneis mostra que as emissões veiculares se acumulam ao longo dos túneis causando níveis altos de poluição. Os freqüentes congestionamentos nas principais vias de acesso e nos túneis da Cidade de São Paulo tornam preocupante a exposição humana a poluentes tóxicos no ar. Para a avaliação das emissões biogênicas foram empregadas câmaras fechadas (sistema cuvette) para-coletar os VOCs emitidos por plantas. Espécies de plantas que emitem uma quantidade significativa deisopreno e monoterpenos foram estudadas em alguns países do mundo. No entanto, nenhum estudo sobre emissão de VOCs por plantas foi feito na vegetação encontrada na cidade de São Paulo. Dessa maneira, foram realizadas amostragens de algumas plantas da vegetação típica da Mata Atlântica. Os valores de taxas de emissão de VOCs em MICROGRAMS de carbono por hora e massa de folha seca (MICROGRAMAS C 'hPOT.-1' 'gPOT.-1') foram calculados para cada planta. ) Ocorreram variações nas taxas de emissão tanto entre as diferentes espécies de plantas (inter-espécies), como entre exemplares diferentes de uma mesma espécie (intra-espécies)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.04.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      POOL, Cristina Salvador; CARVALHO, Lilian Rothschild Franco de. Contribuições de compostos antropogênicos e biogênicos na atmosfera da cidade de São Paulo. 2004.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46133/tde-01092016-185719/pt-br.php >.
    • APA

      Pool, C. S., & Carvalho, L. R. F. de. (2004). Contribuições de compostos antropogênicos e biogênicos na atmosfera da cidade de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46133/tde-01092016-185719/pt-br.php
    • NLM

      Pool CS, Carvalho LRF de. Contribuições de compostos antropogênicos e biogênicos na atmosfera da cidade de São Paulo [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46133/tde-01092016-185719/pt-br.php
    • Vancouver

      Pool CS, Carvalho LRF de. Contribuições de compostos antropogênicos e biogênicos na atmosfera da cidade de São Paulo [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46133/tde-01092016-185719/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020