Exportar registro bibliográfico

Recortes e mosaicos: a imagem da escola (2004)

  • Authors:
  • Autor USP: MORAES, DENISE YURIE YAMAMOTO DE - FE
  • Unidade: FE
  • Subjects: DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO; REFORMA DO ENSINO; ENSINO PÚBLICO
  • Language: Português
  • Abstract: A pesquisa realizada permite ressaltar a importância de histórias com fenômenos de metamorfose e estatuto de obras literárias, na constituição de acervos, desempenhando um papel de matriz na formação da infância, em espaços formais ou informais de educação. Os professores das escolas públicas de São Paulo vivem hoje, em sua atuação profissional, um clima de verdadeiro tumulto e incertezas. Uma avalancha de discursos procuram por todos os meios mostrar como a escola está divorciada do mundo que se agita em constantes transformações. É evidente que a escola pública precisa ser repensada e mudanças devem ocorrer, se se objetiva a democratização da escolarização. Mas o uníssono das repetidas críticas à educação pública e a dificuldade de vislumbrar soluções para os problemas de ensino nas propostas trazidas pelas reformas educacionais, provocam nos profissionais da educação, em contato direto com os alunos, reações de hostilidade e até mesmo de omissão de suas responsabilidades. A motivação para a elaboração deste trabalho veio da necessidade de compreender melhor o quadro da educação pública paulista. Tal motivação acabou determinando uma abordagem panorâmica, o que desfavorece um aprofundamento maior das questões tratadas. Nesta abordagem, como linha condutora, segue-se o processo de democratização do ensino em São Paulo. No Capítulo 1, desenvolve-se um breve histórico, a partir da década de 20, quando a proposta de expandir drasticamente as oportunidades deescolarização é estabelecida pela Reforma Sampaio Dona, chegando até o inicio da década de 90. O Capítulo 2 trata da reforma educacional estabelecida a partir da nova LDB de 1996, dos rumos que tomaram as políticas públicas de educação, dos sentidos que tomou a idéia de democratização do ensino, levando-se em conta as interferências do ideário neoliberal. No Capítulo 3, é examinado o problema da "resistência" )às reformas educacionais, principalmente por parte dos professores, o que constitui uma queixa freqüente dos que tentam introduzir alterações no sistema de ensino. Procura-se, neste trecho final, defender o resgate da identidade do profissional da educação pública
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.04.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MORAES, Denise Yurie Yamamoto; CARVALHO, José Sérgio Fonseca de. Recortes e mosaicos: a imagem da escola. 2004.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.
    • APA

      Moraes, D. Y. Y., & Carvalho, J. S. F. de. (2004). Recortes e mosaicos: a imagem da escola. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Moraes DYY, Carvalho JSF de. Recortes e mosaicos: a imagem da escola. 2004 ;
    • Vancouver

      Moraes DYY, Carvalho JSF de. Recortes e mosaicos: a imagem da escola. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021