Exportar registro bibliográfico

Sensor sólido para óxido nítrico utilizando a técnica sol-gel (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated author: MELO JUNIOR, JAIR PEREIRA DE - FFCLRP
  • School: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 591
  • Subjects: BIOFÍSICA; FÍSICA DA MATÉRIA CONDENSADA
  • Language: Português
  • Abstract: Desde que o óxido nítrico (NO) foi descoberto como um importante mediador de vários processos fisiológicos, diversos métodos de detecção têm sido desenvolvidos. Todavia poucas técnicas são suficientemente seletivas e sensíveis. Neste trabalho nós reportamos a síntese do sensor de NO, SGFe²+'(DETC) IND. 2', que consiste no aprisionamento do complexo ferro(II)-dietilditiocarbamato Fe²+'(DETC) IND. 2', dentro de uma matriz sólida de sílica pelo processo sol-gelo O SGFe'(DETC) IND. 2' foi obtido pela mistura de uma solução de sílica, composta de tetraetil ortosilicato (TEOS), etanol, HCl, água e Triton X100 com Fe²+'(DETC) IND. 2' em dimetilformamida (razão DETC:Fe, 2:1). A mistura resultante foi mantida em diferentes temperaturas (40ºC - 90ºC) dentro de um tubo capilar (~l mm de diâmetro) para acelerar o processo de secagem bem como para proteção mecânica dos vidros sol-gelo Diferentes parâmetros de síntese foram alterados e os seus efeitos sobre as propriedades do sensor foram analisados. O processo de formação do vidro pôde ser acelerado usando pequenas massas do sensor, aproximadamente poucos miligramas, em um ambiente ácido e temperaturas de envelhecimento acima de 50°C. A ressonância paramagnética eletrônica (RPE), foi usada para caracterizar os materiais e sensores. O sensor apresentou uma alta estabilidade quando observado por RPE. O sinal pôde ser visto mesmo depois de 14 dias de exposição ao ar. O uso do dimetilformamida aumentou o sinal de RPE relacionado aoaprisionamento do NO, ao mesmo tempo em que melhorou a estabilidade e estrutura da matriz (sólido). O sensor pode ser reutilizado e é hábil para medir o NO em concentrações de até 0,01mM. O Fe²+NO'(DETC) IND. 2' tem maior estabilidade no sol-gel do que nas soluções. Este resultado faz do SGFeDETC um sensor promissor onde a detecção com resolução espacial pode ser atingida
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.03.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MELO JÚNIOR, Jair Pereira de; GRAEFF, Carlos Frederico de Oliveira. Sensor sólido para óxido nítrico utilizando a técnica sol-gel. 2004.Universidade de São Paulo, Ribeirao Preto, 2004.
    • APA

      Melo Júnior, J. P. de, & Graeff, C. F. de O. (2004). Sensor sólido para óxido nítrico utilizando a técnica sol-gel. Universidade de São Paulo, Ribeirao Preto.
    • NLM

      Melo Júnior JP de, Graeff CF de O. Sensor sólido para óxido nítrico utilizando a técnica sol-gel. 2004 ;
    • Vancouver

      Melo Júnior JP de, Graeff CF de O. Sensor sólido para óxido nítrico utilizando a técnica sol-gel. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020