Exportar registro bibliográfico

O agente comunitário de saúde do Projeto Qualis: agente institucional ou agente de comunidade? (2001)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, JOANA AZEVEDO DA - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HSP
  • Subjects: SAÚDE DA FAMÍLIA; PLANOS E PROGRAMAS DE SAÚDE
  • Language: Português
  • Abstract: O presente estudo tem como objetivo a caracterização do Agente Comunitário de Saúde que atua no Projeto QUALIS, denominaçäo assumida, em Säo Paulo, pelo Programa de Saúde da Família, tomando-o como elemento nuclear para a realizaçäo de dimensões específicas de políticas e programas de saúde de caráter público e que tiveram sua maior expressäo no Brasil, a partir da 2ª metade da década de 70. Através de dados obtidos com abordagens diversas - documentos, observaçäo de trabalho, entrevistas, buscou-se compreender o perfil desse agente, inserido em uma regiäo metropolitana, em sua tentativa de viabilizar o acesso da populaçäo aos serviços e sistemas de saúde, atuando através de dois tipos de práticas na realizaçäo das políticas propostas: um de natureza predominantemente técnica, de organizaçäo do acesso aos serviços e às ações de promoçäo, proteçäo e recuperaçäo da saúde; e outro de natureza predominantemente política, expressa no estímulo à participaçäo e organizaçäo popular para a conquista de direitos de cidadania. Para a caracterizaçäo do perfil, foram montadas categorias de análise, correspondentes aos dois pólos de atuaçäo: agente institucional ou agente de comunidade. Os resultados apontam para o fato de que essas duas categorias representam situações polares, que näo existem em sua forma "pura".A aproximaçäo do perfil ocupacional-social do agente de uma ou de outra das categorias de análise é resultado de interações mediadas pela influência de múltiplas variáveis, levando a uma variabilidade no seu perfil, na dependência de contextos específicos e das situações concretas de trabalho. Esse processo, sempre mediado por conflitos na prática cotidiana, orienta os padrões operativos do agente, às vezes de maior aderência à instituiçäo, às vezes de solidariedade à comunidade, face às especificidades do contexto em que ocorre. ) Essa situaçäo tem profundas influências e demandas para a organizaçäo do trabalho, inclusive na disponibilidade de tecnologia e de saberes para a prática dos agentes, nessas propostas. Nas conclusões do trabalho säo discutidos os desafios colocados para esse trabalhador tendo em vista o cumprimento da sua funçäo nesses programas e das expectativas institucionais e sociais, relativas à sua atuaçäo em regiões metropolitanas.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.06.2001
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Joana Azevedo da; MALIK, Ana Maria. O agente comunitário de saúde do Projeto Qualis: agente institucional ou agente de comunidade?. 2001.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2001. Disponível em: < https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6131/tde-29082014-114850/pt-br.php >.
    • APA

      Silva, J. A. da, & Malik, A. M. (2001). O agente comunitário de saúde do Projeto Qualis: agente institucional ou agente de comunidade?. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6131/tde-29082014-114850/pt-br.php
    • NLM

      Silva JA da, Malik AM. O agente comunitário de saúde do Projeto Qualis: agente institucional ou agente de comunidade? [Internet]. 2001 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6131/tde-29082014-114850/pt-br.php
    • Vancouver

      Silva JA da, Malik AM. O agente comunitário de saúde do Projeto Qualis: agente institucional ou agente de comunidade? [Internet]. 2001 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6131/tde-29082014-114850/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021