Exportar registro bibliográfico

Em defesa dos direitos da mulher, de Mary Wollstonecraft, um estudo (2004)

  • Authors:
  • Autor USP: MOTTA, IVANIA POCINHO - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Subjects: MULHERES; FEMINISMO; EDUCAÇÃO FEMININA
  • Language: Português
  • Abstract: Em 1792, apareceu em Londres um livro que iniciou o alerta de que a liberdade necessita da igualdade entre homens e mulheres:- A Vindication of the Rights of Woman, de Mary Wollstonecraft. Era um texto popular e provocativo que provocou diferentes reações do público, mas, posteriormente, foi celebrado como o trabalho precursor da teoria política feminista e sua autora como a primeira pensadora, de real importância, da condição social e política da mulher na sociedade.O propósito principal desta dissertação é a tradução desta obra de Wollstonecraft, trazendo o texto para o mundo da língua portuguesa. Há, ainda, a pretensão de interrogar a teoria política da autora, sua vida e sua obra, a fim de repensar a importância de algumas idéias políticas, bem como a teoria feminista em geral.Mary Wollstonecraft fez muitas escolhas perigosas, tanto nas suas ações pessoais quanto políticas. Isto levou-nos a estudar sua vida pública e privada a fim de entendê-las melhor e, consequentemente, obter uma compreensão mais profunda de seu livro. A leitura deste texto é moldada no contexto de vidas tangíveis. Neste caso, a vida da mulher de classe média baixa inglesa com pouca educação formal, que se sustentou através de sua pena, durante o período da Revolução Francesa. Ela se identificou com os dissidentes, os radicais políticos e o Iluminismo. Seu autor favorito parece ter sido Jean-Jacques Rousseau. Seus mentores foram Richard Price e Joseph Priestley e seus amigos Thomas Paine,Henri Fuseli e Wlliam Godwin (com quem viria a se casar). Em "Rights of Woman", a autora aponta a educação como a "única solução" para modificar a posição de inferioridade da mulher na sociedade.O livro oferece os meios pelos quais a tradição liberal absorve tanto homens, quanto mulheres, no seu conceito de cidadãos e de cidadania.A clara relação entre as ) questões mostradas pela teoria de Wollstonecraft e os problemas enfrentados por ela, durante sua vida, dá a oportunidade para que os estudiosos de teoria política possam observar a teoria integrada à prática
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.03.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MOTTA, Ivania Pocinho; FLORENZANO, Modesto. Em defesa dos direitos da mulher, de Mary Wollstonecraft, um estudo. 2004.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.
    • APA

      Motta, I. P., & Florenzano, M. (2004). Em defesa dos direitos da mulher, de Mary Wollstonecraft, um estudo. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Motta IP, Florenzano M. Em defesa dos direitos da mulher, de Mary Wollstonecraft, um estudo. 2004 ;
    • Vancouver

      Motta IP, Florenzano M. Em defesa dos direitos da mulher, de Mary Wollstonecraft, um estudo. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021