Exportar registro bibliográfico

Análise "in vitro" da influência do tratamento da superfície dentinária e da fotopolimerização na resistência de união à microtração (2003)

  • Authors:
  • Autor USP: CAMARGO, ADRIANA PAIVA DE PAULA LEITE - FORP
  • Unidade: FORP
  • Sigla do Departamento: 804
  • Subjects: ABRASÃO DENTÁRIA; DENTÍSTICA RESTAURADORA (TÉCNICAS IN VITRO)
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo objetivou a análise in vitro da influência do tratamento superficial da dentina e do sistema de fotopolimerização na resistência adesiva à microtração, utilizando para tanto superfícies de dentina humana de terceiros molares hígidos extraídos. Estes espécimes foram divididos em grupos referentes ao tratamento superficial da dentina, sendo um controle, um experimental com Laser de Er:YAG e outro com Abrasão a ar. Após o preparo e tratamento superficial, o sistema adesivo autocondicionante One-Up Bond F foi aplicado, e as restaurações dos dentes foram realizadas com a resina composta Filtek Z250 (3M ESPE). Foram empregados dois sistemas de luz para a fotopolimerização, a saber: luz Halógena e LED. Os espécimes foram preparados e submetidos aos testes de microtração. No momento exato da fratura o movimento foi cessado e os dados, em MPa, coletados para posterior análise estatística. A análise estatística dos resultados demonstrou que a irradiação do substrato dentinário com laser de Er:YAG não afetou adversamente a resistência de união, fornecendo resultados similares em relação ao grupo controle, mas por outro lado, a abrasão a ar resultou em diminuição acentuada da resistência de união. Não foi evidenciada diferença significativa entre os sistemas de luz: LED ou halógena, entretanto, a interação entre tratamento de superfície e sistema de luz mostrou diferenças significativas, na qual o grupo de abrasão a ar fotopolimerizado com LEDforneceu os piores resultados. Quanto aos tipos de fraturas encontradas, houve predomínio de fraturas adesivas em todos os grupos. Com base nos resultados obtidos, pôde-se concluir que a irradiação com laser de Er:YAG, dentro dos parâmetros utilizados, não interferiu na resistência de união do sistema adesivo testado com a dentina, e também não foi influenciado pelo sistema de luz; já a abrasão a ar com partículas de óxido de alumínio afetou adversamente ... a resistência de união, apresentando maior efetividade quando o sistema de luz halógena foi empregado
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.06.2003

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAMARGO, Adriana Paiva de Paula Leite; MANDARINO, Fernando. Análise "in vitro" da influência do tratamento da superfície dentinária e da fotopolimerização na resistência de união à microtração. 2003.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2003.
    • APA

      Camargo, A. P. de P. L., & Mandarino, F. (2003). Análise "in vitro" da influência do tratamento da superfície dentinária e da fotopolimerização na resistência de união à microtração. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Camargo AP de PL, Mandarino F. Análise "in vitro" da influência do tratamento da superfície dentinária e da fotopolimerização na resistência de união à microtração. 2003 ;
    • Vancouver

      Camargo AP de PL, Mandarino F. Análise "in vitro" da influência do tratamento da superfície dentinária e da fotopolimerização na resistência de união à microtração. 2003 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021