Exportar registro bibliográfico

Avaliação das informações sobre mortalidade no município de Pariquera-Açu - SP (2003)

  • Authors:
  • Autor USP: HARAKI, CRISTIANNE APARECIDA COSTA - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HEP
  • Subjects: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO; ATESTADO DE ÓBITO; SÍNDROME DE IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA; MORTALIDADE MATERNA; CAUSA DA MORTE
  • Language: Português
  • Abstract: A má qualidade das informações constantes nas declarações de óbito (DO) reflete diretamente nas estatísticas de mortalidade, pois elas são a sua principal fonte de dados, prejudicando a formulação de programas de promoção de saúde e de prevenção de doenças. O Sistema de informações sobre Mortalidade (SIM;MS), criado pelo Ministério da Saúde, em 1975, visando a melhorar as estatísticas de mortalidade, não conseguiu, ainda, sanar totalmente este problema, visto que seu primeiro objetivo era o aspecto quantitativo dessas estatísticas. Objetivos. Avaliar o SIM/MS dos pontos de vista quantitativo e qualitativo e testar metodologias simples uniformes capazes de minimizar suas distorções. Método. O trabalho desenvolveu-se em duas fases: na primeira, avaliaram-se os dados captados pelo SIM/MS quantitativa e qualitativamente, comparando-os com os do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), considerando os óbitos de residentes na cidade de Pariquera-Açu, no período de 1979 até 1995. Na fase 2, realizou-se o levantamento dos óbitos ocorridos no segundo semestre de 2001, no mesmo município, independente do local de residência do falecido, fazendo-se também a análise quantitativa dos mesmos.) Foram investigados os óbitos que apresentavam causa básica nas seguintes categorias: mal definidas (capítulo XVIII da CID-10), diagnósticos incompletos (causas residuais dos capítulos da CID-10), causas externas (capítulo XX da CID-10), presumíveis de AIDS e todos demulheres entre 10 a 49 anos visando detectar causas maternas não informadas. Foram realizadas visitas domiciliárias, consultas a prontuários hospitalares, laudos do Instituto de Medicina Legal e boletins das delegacias de polícia. A partir das informações obtidas dessas fontes, foi elaborada uma DO nova, para cada caso, e comparada com a DO original, a fim de se observar a melhora na qualidade das informações. Resultados. Observou-se pequena diferença na captação de dados entre os dois sistemas (SIM/MS e IBGE), mas a análise qualitativa detectou aumento dos óbitos por causas mal definidas. Conclusão. Por meio de técnica simples e acessível, foi possível obter melhora significativa na qualidade das informações, em especial para as causas externas. (AU)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.05.2003

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      HARAKI, Cristianne Aparecida Costa; GOTLIEB, Sabina Léa Davidson. Avaliação das informações sobre mortalidade no município de Pariquera-Açu - SP. 2003.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2003.
    • APA

      Haraki, C. A. C., & Gotlieb, S. L. D. (2003). Avaliação das informações sobre mortalidade no município de Pariquera-Açu - SP. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Haraki CAC, Gotlieb SLD. Avaliação das informações sobre mortalidade no município de Pariquera-Açu - SP. 2003 ;
    • Vancouver

      Haraki CAC, Gotlieb SLD. Avaliação das informações sobre mortalidade no município de Pariquera-Açu - SP. 2003 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021