Exportar registro bibliográfico

Estudo do transcriptoma de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae) no desenvolvimento ontogenético (2003)

  • Authors:
  • Autor USP: NUNES, FRANCIS DE MORAIS FRANCO - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RGE
  • Subjects: HYMENOPTERA; APIDAE; ONTOGENIA
  • Language: Português
  • Abstract: As abelhas são insetos sociais de relevante interesse biológico. Apis mellifera apresenta características peculiares que motivam investigação de sua biologia, especialmente sua genética. Apresentam excelente fitness reprodutivo, enorme potencial adaptativo, plasticidade fenotípica em estratégias de sobrevivência, capacidade de aprendizado e memória, eficiência na comunicação e formação de sociedades altamente organizadas, divididas castas, que as tornam organismos-chave para estudos de genética molecular. Embora essa abelha seja um dos organismos mais estudados em todo o mundo, devido ao seu curto ciclo de vida, fácil aquisição de amostras, relevância biológica e econômica, pouco se conhece sobre seu genoma. O presente trabalho mostra o perfil de expressão gênica de A. mellifera a partir do seqüenciamento de bibliotecas obtidas pelo método ORESTES (Open Reading trame Expressed Sequence Tags) , dos estágios de desenvolvimento ontogenético, além de validar a expressão de genes associados à fase de pupa. Descreve, ainda, os 25 genes mais expressos em cada estágio. Foram geradas 11296 ORESTES, das quais 4870 foram validades in silico, de acordo com parâmetros estringentes de análise por bioinformática. Dessas, 1327 foram categorizadas como ApisESTs, 1007 Orthologs e 2536 No matches. Apesar dos dados de No matches representarem 22,45% do total de seqüências, pode-se estimar que cerca de 80% dos dados apresentados são seqüências ainda desconhecidas, pois os dadosde A. mellifera encontrados nos bancos públicos de dados, não possuem anotação bem definida. Após clusterização foi encontrada redundância média de 30%. Análises de expressão gênica identificaram 10 genes com padrão diferencial durante a fase de pupa, dois dos quais, os ortólogos de ácido farnesóico metil transferase e proteína ligante de APP, parecem estar estar sob controle dos níveis do hormônio 20-hidroxiecdisona. Outros 7 genes mostraram alta .. alta expressão durante todo o desenvolvimento de pupa: sparc, IDGF like protein, chickadee, eukaryotic initiation factor 4E binding, SgAbd-1, replication licensing factor MCM5, heat shock protein hsp20.8A. Esses dados, ainda preliminares, procuram elucidar eventos moleculares que ocorrem no desenvolvimento de Apis mellifera e que, também, podem ser base para estudos em Hymenoptera. A comparação dos dados aqui gerados com outros já descritos, aliados a resultados experimentais, abrem perspectivas para elucidação de questões biológicas complexas, estudos de evolução molecular e filogenia dos eucariotos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.04.2003

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NUNES, Francis de Morais Franco; SILVA JÚNIOR, Wilson Araújo da. Estudo do transcriptoma de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae) no desenvolvimento ontogenético. 2003.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2003.
    • APA

      Nunes, F. de M. F., & Silva Júnior, W. A. da. (2003). Estudo do transcriptoma de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae) no desenvolvimento ontogenético. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Nunes F de MF, Silva Júnior WA da. Estudo do transcriptoma de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae) no desenvolvimento ontogenético. 2003 ;
    • Vancouver

      Nunes F de MF, Silva Júnior WA da. Estudo do transcriptoma de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae) no desenvolvimento ontogenético. 2003 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020