Exportar registro bibliográfico

A evolução da pesca de linha-de-fundo e a dinâmica de população do peixe-batata, Lopholatilus villarii (Teleostei: Malacanthidae) na margem continental da costa brasileira entre os paralelos '22 graus' e '28 graus S' (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, ANTONIO OLINTO AVILA DA - IO
  • Unidade: IO
  • Sigla do Departamento: IOB
  • Subjects: PESCA; PEIXES
  • Language: Português
  • Abstract: A pesca de linha-de-fundo ao largo da costa brasileira entre as latitudes 22 e '28 graus S' foi analisada, com base em dados de cruzeiros de pesquisa e de desembarques da pesca comercial, com o objetivo de caracterizar as assembléias de peixes demersais vulneráveis, delinear a dinâmica das frotas pesqueiras e avaliar o impacto desta atividade sobre o estoque de Lopholatilus villarii, a espécie mais capturada. A análise de assembléia de peixes foi realizada a partir de dados de captura por unidade de esforço, obtidos em 303 operações realizadas a bordo do N/Pq Orion e do B/P Margus II, entre 1994 e 1997, quando foram capturados 57.956 espécimes, pertecentes a 43 espécies ou categorias e 31 famílias. Os gradientes de profundidade e de latitude foram os mais importantes na determinação da abundância e distribuição das espécies e provavelmente refletem o efeito das diferentes massas de água e tipos de fundo L. villarii apresentou uma ampla distribuição e suas capturas foram associadas principalmente às de Epinephelus niveatus, Pseudopercis numida, Polyprion americanus e Urophycis cirrata. As frotas pesqueiras que explotam estas comunidades encontram-se baseadas em Niterói (RJ), Ubatuba e Santos (SP). Os dados de pesca obtidos entre 1995 e 1999 indicaram que esta pescaria é fortemente direcionada a poucas espécies-alvo, como L. villarii, P. numida, E. nivetus e Genidens barbus. A análise das taxas de captura de L. villarii através de modelos lineares generalizadosdemosntrou que a maior fonte de variação da CPUE é a frota pesqueira, sendo as de Niterói e Santos as mais produtivas. O estudo da dinâmica de população desta espécie mostrou uma longevidade de 40 anos. Os parâmetros de crescimento e os comprimentos de primeira maturação gonadal, para machos e fêmeas, foram respectivamente: 'Lf IND.oo= 1452mm e 1210mm; K=0,004 e 0,038'ano POT.-1, to= -0,723 e -2,082 anos; 'Lf IND.50%= 426 e 336mm. ) O comprimento médio de captura diminuiu de 638 para 555mm, entre 1994 e 1999, indicando que a captura foi voltada principalmente para indivíduos adultos. A taxa de mortalidade natural foi estimada em 0,11 'ano POT.-1. A análise de população virtual e a aplicação dos modelos de rendimento-por-recruta de Beverton e Holt e o preditivo de Thompson e Bell, indicaram que o estoque tem sido intensamente explotado e está em estado de sobrepesca, com taxas de mortalidade por pesca muito superiores àqueles sugeridos por diferentes pontos de referência biológicos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.12.2002

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Antonio Olinto Avila da; MATSUURA, Yasunobu. A evolução da pesca de linha-de-fundo e a dinâmica de população do peixe-batata, Lopholatilus villarii (Teleostei: Malacanthidae) na margem continental da costa brasileira entre os paralelos '22 graus' e '28 graus S'. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, BSP, 2002.
    • APA

      Silva, A. O. A. da, & Matsuura, Y. (2002). A evolução da pesca de linha-de-fundo e a dinâmica de população do peixe-batata, Lopholatilus villarii (Teleostei: Malacanthidae) na margem continental da costa brasileira entre os paralelos '22 graus' e '28 graus S'. Universidade de São Paulo, São Paulo, BSP.
    • NLM

      Silva AOA da, Matsuura Y. A evolução da pesca de linha-de-fundo e a dinâmica de população do peixe-batata, Lopholatilus villarii (Teleostei: Malacanthidae) na margem continental da costa brasileira entre os paralelos '22 graus' e '28 graus S'. 2002 ;
    • Vancouver

      Silva AOA da, Matsuura Y. A evolução da pesca de linha-de-fundo e a dinâmica de população do peixe-batata, Lopholatilus villarii (Teleostei: Malacanthidae) na margem continental da costa brasileira entre os paralelos '22 graus' e '28 graus S'. 2002 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021