Exportar registro bibliográfico

Estudo da relação entre resistência à abrasão e dureza de ligas odontológicas de metais básicos para restauração metalocerâmica (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: BARROS, CELSO DE - FORP
  • Unidade: FORP
  • Sigla do Departamento: 805
  • Subjects: RESTAURAÇÃO DENTÁRIA; MATERIAIS DENTÁRIOS
  • Language: Português
  • Abstract: Embora haja grande exigência por restaurações estéticas livres de metal, restaurações metalocerâmicas, utilizando ligas de metais básicos, são procedimentos de rotina nos planejamentos restauradores protéticos. No entanto, a alta resistência ao desgaste destas ligas, caracterizada pela grande dificuldade de acabamento e polimento, tem sido associada à dureza, geralmente elevada. A proposta desse estudo foi avaliar resistência à abrasão e dureza de seis ligas de metais básicos (4 ligas de Ni-Cr, 1 liga de Co-Cr e 1 Ti comercialmente puro -99,5% Ti), disponíveis comercialmente, para uso com cerâmica. A resistência à abrasão foi determinada pela perda de peso dos corpos-de-prova, ao longo de 4 séries de ciclos de abrasão. A dureza Rockwell 30N também foi avaliada do inicio ao término das séries de ciclos de abrasão. Os dados foram analisados com o nível de significância 'alfa' = 0,05. O teste de regressão e correlação da resistência à abrasão e dureza mostrou que, para três ligas de Ni-Cr (Vera Bond, Vera Bond II e Wiron 99) a linha de regressão foi descendente, indicando que um aumento na dureza correspondeu uma redução nos valores de perda de peso, enquanto para uma liga de Ni-Cr (Neochrom) a linha de regressão foi ascendente, indicando um aumento nos valores de perda de peso apesar do aumento na dureza. Por outro lado, para a ligas de Co-Cr (New Ceram) e de titânio (Rematitan), os valores de perda de peso se mantiveram constantes. As ligas avaliadas tiverambaixos coeficientes de correlação entre resistência à abrasão e dureza. A análise metalográfica revelou particularidades que podem ter sido determinantes para as taxas de desgaste de cada material. Com exceção da liga de titânio, não houve mudanças metalográficas das ligas avaliadas, durante as séries de ciclos de abrasão
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 31.07.2002
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BARROS, Celso de; BEZZON, Osvaldo Luiz. Estudo da relação entre resistência à abrasão e dureza de ligas odontológicas de metais básicos para restauração metalocerâmica. 2002.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2002. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-13112003-101112/ >.
    • APA

      Barros, C. de, & Bezzon, O. L. (2002). Estudo da relação entre resistência à abrasão e dureza de ligas odontológicas de metais básicos para restauração metalocerâmica. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-13112003-101112/
    • NLM

      Barros C de, Bezzon OL. Estudo da relação entre resistência à abrasão e dureza de ligas odontológicas de metais básicos para restauração metalocerâmica [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-13112003-101112/
    • Vancouver

      Barros C de, Bezzon OL. Estudo da relação entre resistência à abrasão e dureza de ligas odontológicas de metais básicos para restauração metalocerâmica [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/58/58131/tde-13112003-101112/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021