Exportar registro bibliográfico

Morbidade por problemas respiratórios em Ribeirão Preto - SP, de 1995 a 2001, segundo indicadores ambientais, sociais e econômicos (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: ROSEIRO, MARIA NAZARETH VIANNA - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERM
  • Subjects: POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA; DOENÇAS RESPIRATÓRIAS (MORTALIDADE)
  • Language: Português
  • Abstract: Os problemas respiratórios representaram a segunda causa de morbidade na distribuição de doenças no país, no ano 2000 (MS, 2002), tendo como uma das principais causas a poluição atmosférica, dentre outros fatores. Os efeitos na saúde devido à poluição do ar têm sido tema intensamente estudado nos últimos anos, mostrando que a exposição a poluentes atmosféricos vem causando um aumento na morbi-mortalidade e nas internações hospitalares devido a problemas respiratórios (Brunekreef & Holgate, 2002). Em Ribeirão Preto, cidade do estado de São Paulo, considerada o maior pólo sucro-alcooleiro do mundo, a prática da queima da palha da cana-de-açúcar vem causando grande discussão pelo incômodo aos moradores e pelos danos à saúde. A colheita da cana-de-açúcar ocorre no inverno, entre os meses de maio e novembro. Esta pesquisa teve o objetivo de descrever o quadro de morbidade ligado às internações hospitalares por problemas respiratórios nesse município, no período de 1995 a 2001, baseando-se em indicadores ambientais, econômicos e sociais. A metodologia fundamenta-se na pesquisa epidemiológica não-experimental, descritivo-exploratória, caracterizando-se em um estudo retrospectivo. As variáveis independentes consideradas foram o Índice de Poluição Atmosférica em Ribeirão Preto, medido pela CETESB, os indicadores econômicos como PIB e renda per capita, fornecidos pela Prefeitura Municipal e Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto e os indicadores sociais,IDH, IDH-M e ICV do município. As internações hospitalares na rede pública do município por problemas respiratórios constituíram a variável dependente. Os sujeitos da pesquisa foram formados por toda a população residente no município de Ribeirão Preto no período do estudo, independente de sexo, cor, profissão, faixa etária e nível sócio-cultural, internada nos hospitais da rede pública em decorrência de distúrbios respiratórios. Dentre os resultados ) destaca-se que o grupo que mais necessitou de hospitalização na rede pública foi o constituído por crianças de até 4 anos, principalmente menores de um ano de idade, seguido por idosos acima de 50 anos, em especial do grupo feminino embora os homens tenham utilizado mais a rede pública hospitalar para a internação hospitalar do que as mulheres. Os poluentes atmosféricos medidos no município, nesses anos estudados, foram o SO2 e a Fumaça, sendo que as concentrações de SO2 apresentaram-se abaixo dos limites preconizados para padrão primário pela OMS, USEPA e CETESB e as taxas de concentração de Fumaça, com exceção das referentes ao ano 2000, encontraram-se acima dos valores aceitos pelos mesmos órgãos no que refere a padrão secundário. Os indicadores econômicos e sociais demonstraram um alto nível de desenvolvimento, em escala crescente nos anos selecionados. Os dados mostraram que há uma estreita relação entre o nível de desenvolvimento econômico e social em Ribeirão Preto-SP, no período de 1995 e 2001 e o quadroepidemiológico retratado pelas internações hospitalares por problemas respiratórios
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.12.2002
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ROSEIRO, Maria Nazareth Vianna; TAKAYANAGUI, Angela Maria Magosso. Morbidade por problemas respiratórios em Ribeirão Preto - SP, de 1995 a 2001, segundo indicadores ambientais, sociais e econômicos. 2002.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2002. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-16092003-090056/ >.
    • APA

      Roseiro, M. N. V., & Takayanagui, A. M. M. (2002). Morbidade por problemas respiratórios em Ribeirão Preto - SP, de 1995 a 2001, segundo indicadores ambientais, sociais e econômicos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-16092003-090056/
    • NLM

      Roseiro MNV, Takayanagui AMM. Morbidade por problemas respiratórios em Ribeirão Preto - SP, de 1995 a 2001, segundo indicadores ambientais, sociais e econômicos [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-16092003-090056/
    • Vancouver

      Roseiro MNV, Takayanagui AMM. Morbidade por problemas respiratórios em Ribeirão Preto - SP, de 1995 a 2001, segundo indicadores ambientais, sociais e econômicos [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22133/tde-16092003-090056/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020