Exportar registro bibliográfico

Contribuição do GPS para o aprimoramento do geóide no estado de São Paulo (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: SOUZA, SERGIO FLORENCIO DE - IAG
  • Unidade: IAG
  • Sigla do Departamento: AGG
  • Assunto: GEODÉSIA
  • Language: Português
  • Abstract: geoidais, foi necessário compatibilizar modelo geoidal com o sistema altimétrico. O polinômio de segundo grau foi escolhido para representar a componente sistemática, e posteriormente, utilizado para compatibilizar o sistema altimétrico. A metodologia usada neste trabalho, para a determinação e aprimoramento do geóide no Estado de São Paulo, constitui uma estratégia a sr aplicada em outras partes do Brasil e fornecer precisão para as alturas geoidais ) compatível com a do nivelamentoA determinação e o aprimoramento do geóide no Estado de São Paulo constituem o objetivo principal deste trabalho. Essa idéia foi colocada em prática com a determinação de dois modelos geodiais. O primeiro foi calculado utilizando a distribuição irregular dos dados (MDGI); segundo, utilizando um modelo digital gerado a partir de dados gravimétricos e topográficos (DGR). Na determinação desses geódes, foi utilizado o método da colocação por mínimos quadrados, que permite combinar dados do campo de gravidade resultantes de levantamentos gravimétricos terrestres e oceânicos, e das missões geodésicas de altimetria por satélite, dados topográficos, e coeficientes de modelos geopotenciais. Na avaliação dos geóides, determinados neste trabalho (MDGI e MDGR), e dois já existentes (MDG95 e EGM96), foi usada uma rede GPS densa, implantada sobre RNs, e ajustadas com relação as estações da RBMC. Esses dados proporcionaram avaliação dos modelos geoidais de forma absoluta e relativa. Na avaliação absoluta foram comparadas as alturas geoidais, obtidas por técnicas diferentes, nos mesmos pontos; na relativa, foram comparadas as diferenças de alturas geoidais entre pares de pontos. Na avaliação relativa do geóide gravimétrico, obtida a parte de pares das diferenças entre o geóide gravimétrico e o geóide GPS, observa-se que as diferenças encontradas estão dentro das exigências para a utilização destes modelos geoidais no nivelamento por satélite. Após a avaliação dos modelos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.10.2002

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOUZA, Sérgio Florêncio de; SÁ, Nelsi Cogo de. Contribuição do GPS para o aprimoramento do geóide no estado de São Paulo. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Souza, S. F. de, & Sá, N. C. de. (2002). Contribuição do GPS para o aprimoramento do geóide no estado de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Souza SF de, Sá NC de. Contribuição do GPS para o aprimoramento do geóide no estado de São Paulo. 2002 ;
    • Vancouver

      Souza SF de, Sá NC de. Contribuição do GPS para o aprimoramento do geóide no estado de São Paulo. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021