Exportar registro bibliográfico

Hormônio juvenil e ecdisteróides na vida adulta de machos, rainhas e operárias de Melipona quadrifasciata Lep. (Apidae, Meliponinae): relação com a reprodução e divisão de trabalho (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: SANTANA, WEYDER CRISTIANO - FFCLRP
  • Unidade: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 592
  • Subjects: ABELHAS; HORMÔNIOS; REPRODUÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: Em abelhas socias a divisão de trabalho e aspectos reprodutivos são influenciados por hormônios que regulam no tempo o comportamento em abelhas. Em Apis mellifera o perfil do título de hormônio juvenil está associado a mudanças comportamentais, onde operárias campeiras possuem títulos mais altos de HJ em detrimento a títulos baixos de ecdisteróides. Já abelhas nutrizes e operárias poedeiras apresentam baixos títulos de hormônio juvenil. Em Bombus terrestris os títulos de hormônio juvenil são maiores em operárias, devido ao mecanismo de determinação de castas, mas o título de ecdisteróides é indicativo do status reprodutivo nas rainhas. O presente trabalho teve por objetivo determinar o título de hormônio juvenil e ecdisteróides na hemolinfa de machos, operárias e rainhas virgens pós mergência de Melipona quadrifasciata. A quantificação dos títulos destes hormônios foi realizada por radioimunoensaios. Machos de Melipona apresentam títulos de HJ elevados com idades entre 5 e 10 dias de vida, relacionadas ao mecanismo de maturação sexual. como a migração de espermatozóides dos testículos para as vesículas seminais. Em operárias, o título de hormônio juvenil parece não estar associado à divisão de trabalho até as idades amostradas, pois se apresenta com valores constantes, oscilando entre 40 e 80 pg/µl de hemolinfa; já o título de ecdisteróides demonstra-se significativamente relacionado ao status reprodutivo das operárias, como também é relatado na literatura paraoutras espécies de abelhas. Ecdisteróides não são indicativos, em rainhas virgens de Melipona, do status reprodutiva, sendo o hormônio juvenil o indicativo deste status. Assim sendo, Melipona quadrifasciata possue um mecanismo de divisão de trabalho aparentemente não regulado pelo título de hormônio juvenil na hemolinfa e o título de ecdisteróides está associado ao estatus reprodutivo em operárias e não em rainhas virgens
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.06.2002

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTANA, Weyder Cristiano; HARTFELDER, Klaus. Hormônio juvenil e ecdisteróides na vida adulta de machos, rainhas e operárias de Melipona quadrifasciata Lep. (Apidae, Meliponinae): relação com a reprodução e divisão de trabalho. 2002.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2002.
    • APA

      Santana, W. C., & Hartfelder, K. (2002). Hormônio juvenil e ecdisteróides na vida adulta de machos, rainhas e operárias de Melipona quadrifasciata Lep. (Apidae, Meliponinae): relação com a reprodução e divisão de trabalho. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Santana WC, Hartfelder K. Hormônio juvenil e ecdisteróides na vida adulta de machos, rainhas e operárias de Melipona quadrifasciata Lep. (Apidae, Meliponinae): relação com a reprodução e divisão de trabalho. 2002 ;
    • Vancouver

      Santana WC, Hartfelder K. Hormônio juvenil e ecdisteróides na vida adulta de machos, rainhas e operárias de Melipona quadrifasciata Lep. (Apidae, Meliponinae): relação com a reprodução e divisão de trabalho. 2002 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021