Exportar registro bibliográfico

Obtenção e caracterização de quitina e quitosana de Macrobrachium rosenbergii (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: BATTISTI, MARCOS VALERIO - IQSC
  • Unidade: IQSC
  • Assunto: QUÍMICA
  • Language: Português
  • Abstract: Quitina foi obtida, através de duas seqüências distintas, das diferentes partes do camarão de água doce Macrobrachium rosenbergii, sendo elas cefalotórax, abdomens e quelipodos. Para a seqüência 1 os exoesqueletos foram submetidos a tratamento em álcali, seguido do tratamento ácido para a desmineralização e na seqüência 2 essa ordem foi invertida. A aplicação da seqüência 1 resulta num maior rendimento de quitina e a aplicação da seqüência 2 resulta num material com baixos teores de cinzas e metais. Por outro lado, as quitinas obtidas pelas diferentes seqüências são mais puras do que as comerciais em relação aos contaminantes já mencionados, mostrando que a procedência da matéria-prima e o controle das condições de processamento são muito importantes quanto a qualidade das quitinas. Quitinas das diferentes partes do animal apresentam teores de metais diferentes. Assim, também é importante separar as partes dos exoesqueletos dos camarões para a obtenção de quitinas, o que não é feito nas quitinas comerciais. As desacetilações de quitinas obtidas de M. rosenbergii, foram realizadas na presença e na ausência de boro hidreto de sódio. As purificações das quitosanas obtidas levou a eliminação de contaminantes, como mostrado por difração de raios-X e, os índices de cristalinidade das amostras purificadas, são mais elevados do que os das amostras não purificadas. As quitosanas obtidas na presença de boro hidreto de sódio apresentaram viscosidades intrínsecas superiores devidoa presença desse aditivo, um agente redutor, cuja ação foi de minimizar a ocorrência de despolimerização. ) Algumas amostras foram preparadas como cloridrato de quitosana, uma quitosana solúvel em água, e suas soluções aquosas ( C'APROXIMADAMENTE IGUAL A'5g/L) foram estudadas num reômetro dotado de sensor de duplos cilindros concêntricos a '25 GRAUS'C. Essas soluções apresentaram comportamento pseudoplástico, independente do material e da seqüência adotada para o isolamento de quitina, com o aumento da viscosidade na presença de boro hidreto de sódio
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.05.2002

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BATTISTI, Marcos Valério; CAMPANA FILHO, Sérgio Paulo. Obtenção e caracterização de quitina e quitosana de Macrobrachium rosenbergii. 2002.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2002.
    • APA

      Battisti, M. V., & Campana Filho, S. P. (2002). Obtenção e caracterização de quitina e quitosana de Macrobrachium rosenbergii. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Battisti MV, Campana Filho SP. Obtenção e caracterização de quitina e quitosana de Macrobrachium rosenbergii. 2002 ;
    • Vancouver

      Battisti MV, Campana Filho SP. Obtenção e caracterização de quitina e quitosana de Macrobrachium rosenbergii. 2002 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021