Exportar registro bibliográfico

Variação cambial em Bignoniaceae: padrão anatômico e desenvolvimento do caule (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: OZORIO FILHO, HILTON LOURENCO - IB
  • Unidade: IB
  • Sigla do Departamento: BIB
  • Subjects: ÁRVORES; ANATOMIA VEGETAL
  • Language: Português
  • Abstract: Pleonotoma tetraquetrum e Mansoa difficilis - Bignoniaceae, são lianas que ocorrem na Reserva C.U.A.S.O. e apresentam padrão anatômico "caule interrompido", a variação cambial característica das bignoniáceas trepadeiras. Foram coletadas amostras do caule dessas espécies e confeccionados cortes seriados da porção apical, cortes à mão livre das porções intermediárias e cortes em micrótomo de deslize das porções basais do caule. A análise da estrutura anatômica do caule nessas três diferentes regiões, revelou a presença de um cilindro concêntrico de procâmbio capaz de diferenciar ilhotas de floema, células precursoras de fibras, feixes vasculares e um periciclo parenquimático difuso. Formam-se costelas de fibras nas arestas do caule jovem quadrangular de Pleonotoma tetraquetrum e calotas de fibras associadas ao floema no caule de ambas as espécies. O câmbio vascular concêntrico apresenta três estágios funcionais: fase cambial 1 (bidirecional); fase cambial 2 (bidirecional) e fase cambial 3 (unidirecional). A partir do segundo estágio funcional, o câmbio inicia, simultaneamente, a formação de quatro cunhas opostas, em regiões pré-determinadas no caule, constituindo a variação cambial "caule interrompido". Em Pleonotoma tetraquetrum a variação cambial expressa apenas quatro cunhas de tecido floemático intercaladas com o xilema intercunhas, formando na face transversal do caule adulto uma figura em forma de cruz-de-malta. Em Mansoa difficilis, a variação cambialproduz na face transversal do caule uma estrutura multirradiada, com várias cunhas de floema intercaladas ao xilema intercunhas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.05.2002

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OZÓRIO FILHO, Hilton Lourenço; ANGYALOSSY, Verônica. Variação cambial em Bignoniaceae: padrão anatômico e desenvolvimento do caule. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Ozório Filho, H. L., & Angyalossy, V. (2002). Variação cambial em Bignoniaceae: padrão anatômico e desenvolvimento do caule. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Ozório Filho HL, Angyalossy V. Variação cambial em Bignoniaceae: padrão anatômico e desenvolvimento do caule. 2002 ;
    • Vancouver

      Ozório Filho HL, Angyalossy V. Variação cambial em Bignoniaceae: padrão anatômico e desenvolvimento do caule. 2002 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021