Exportar registro bibliográfico

Estudo teórico da espécie BeMg (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: RODRIGUES, ANDRÉ LUIS GOIS - IQ
  • Unidade: IQ
  • Sigla do Departamento: QFL
  • Subjects: ESTRUTURA MOLECULAR (QUÍMICA TEÓRICA); QUÍMICA QUÂNTICA
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo deste trabalho é descrever a estrutura eletrônica da espécie diatômica BeMg, utilizando métodos ab initio multiconfiguracionais. A primeira descrição teórica da espécie BeMg foi feita por Chiles e Dykstra em 1982, empregando os métodos SCF, CCD e CEPA. Naquele trabalho, os autores propuseram que a estrutura eletrônica do BeMg seria intermediária entre a apresentada pelas espécies ´Be IND.2´ e ´Mg IND.2´. Em 1994, Boldyrev et al. empregaram o método QCISD e conjuntos de bases atômicas do tipo 6 - 311 + G* para calcular a distância de equilíbrio do BeMg. Até onde sabemos, não existe nenhum outro estudo teórico, nem experimental, sobre esta espécie. Apesar dos esforços anteriores, devido à natureza dos átomos envolvidos, para descrever com maiores detalhes e precisão não somente o estado fundamental, mas também diferentes estados eletrônicos excitados, é necessário empregar métodos ab initio multiconfiguracionais, fato explicitamente reconhecido por Boldyrev et al. em 1994. No presente trabalho, as curvas de energia potencial para os estados eletrônicos energéticamente mais baixos, que correlacionam com os primeiros quatro canais de dissociação, da espécie BeMg foram descritas teoricamente empregando conjunto de bases atômicas do tipo ce-pVQZ e funções de onda do tipo CASSCF/MRCI. Todos os orbitais de valência, além de um conjunto adicional de funções de correlação do tipo s e p foram incluídos no espaço ativo. Diversas constantes espectroscópicas tambémforam calculadas para os estados eletrônicos selecionados. O estado fundamental foi caracterizado como de simetria ´ANTPOT.1 DELTA POT.+´ e fracamente ligado (´D INDe´ = 0,05 eV), possuindo consequentemente uma distância internuclear de equilíbrio relativamente longa (3,30 A, ´w IND.e´ = 44,2 em-I). É interessante notar que nos trabalhos anteriores a distância internuclear de equilíbrio do estado fundamental foi calculada com sendo ) 4,5 A e 5,1 A, por Chiles e Dykstra e Boldyrev et al., respectivamente. Os dois primeiros estados excitados são o ´ANTPOT.3´II (´R IND.e´ = 2,416 A, ´T IND.e´ = 11029 ´cm POT.-1´) e o ´bPOT.3´´DELTA´POT.+´ (´R IND.e´ = 2,578 A, ´T IND.e´ = 11058 ´cmPOT.-1´), ambos com energia de associação igual a 1, 28 eV
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.04.2002
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RODRIGUES, André Luis Gois; BORIN, Antonio Carlos. Estudo teórico da espécie BeMg. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46132/tde-21092018-100103/pt-br.php >.
    • APA

      Rodrigues, A. L. G., & Borin, A. C. (2002). Estudo teórico da espécie BeMg. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46132/tde-21092018-100103/pt-br.php
    • NLM

      Rodrigues ALG, Borin AC. Estudo teórico da espécie BeMg [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46132/tde-21092018-100103/pt-br.php
    • Vancouver

      Rodrigues ALG, Borin AC. Estudo teórico da espécie BeMg [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46132/tde-21092018-100103/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021