Exportar registro bibliográfico

Avaliação do pH e liberação de cálcio, na utilização intracanal de pastas à base de hidróxido de cálcio, em função do tempo e de diferentes veículos: estudo realizado em dentes humanos e bovinos (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: CAMARGO, CARLOS HENRIQUE RIBEIRO - FOB
  • Unidade: FOB
  • Sigla do Departamento: BAD
  • Subjects: CÁLCIO; HIDRÓXIDO DE CÁLCIO; CANAL RADICULAR
  • Language: Português
  • Abstract: O propósito deste trabalho foi o de avaliar "in vitro" as alterações do pH e liberação de íons cálcio, após a utilização intracanal, de pastas de hidróxido de cálcio com diferentes veículos. Nesse estudo foram utilizados 92 dentes, unirradiculados humanos e bovinos, após a remoção das coroas, realizou-se o preparo biomecânico 1mm aquém do forame com irrigação de hipoclorito de sódio 2,5%, seguido de irrigação final com EDTA. No terço médio de cada espécime, na face vestibular, foi realizado um preparo com 4mm de comprimento por 2mm de largura e 1mm de profundidade. As raízes foram divididas em dois grupos: 46 humanas e 46 bovinas. Cada grupo foi subdividido em 4 subgrupos de acordo com o veículo a ser utilizado, subgrupo 1: detergente; subgrupo 2: solução salina; subgrupo 3: polietilenoglicol 400 'mais' paramonoclorofenol canforado (Calen PMCC) e subgrupo 4: polietilenoglicol 400 'mais' paramonoclorofenol furacinado (PMCF). A raízes foram impermeabilizadas externamente, exceto na área da cavidade. Cada espécime foi imerso individualmente em frascos contendo 4ml de solução salina fisiológica e, mantidos à '370 GRAUS'C. As mensurações de pH e liberação de cálcio foram feitas aos 7 e 14 dias. As raízes humanas e bovinas permitiram um comportamento semelhante para a análise de pH e da liberação de cálcio. O Calen PMCC foi estatisticamente superior em todas as análises, seguido pelo PMCF e solução salina, que se equivaleram e por último o detergente foiestatisticamente inferior aos demais grupos. O período de 14 dias se mostrou mais adequado, mostrando aumento na liberação iônica
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.04.2002
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAMARGO, Carlos Henrique Ribeiro; BERNARDINELI, Norberti. Avaliação do pH e liberação de cálcio, na utilização intracanal de pastas à base de hidróxido de cálcio, em função do tempo e de diferentes veículos: estudo realizado em dentes humanos e bovinos. 2002.Universidade de São Paulo, Bauru, 2002. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25138/tde-15032005-095823/ >.
    • APA

      Camargo, C. H. R., & Bernardineli, N. (2002). Avaliação do pH e liberação de cálcio, na utilização intracanal de pastas à base de hidróxido de cálcio, em função do tempo e de diferentes veículos: estudo realizado em dentes humanos e bovinos. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25138/tde-15032005-095823/
    • NLM

      Camargo CHR, Bernardineli N. Avaliação do pH e liberação de cálcio, na utilização intracanal de pastas à base de hidróxido de cálcio, em função do tempo e de diferentes veículos: estudo realizado em dentes humanos e bovinos [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25138/tde-15032005-095823/
    • Vancouver

      Camargo CHR, Bernardineli N. Avaliação do pH e liberação de cálcio, na utilização intracanal de pastas à base de hidróxido de cálcio, em função do tempo e de diferentes veículos: estudo realizado em dentes humanos e bovinos [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25138/tde-15032005-095823/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021