Exportar registro bibliográfico

Otimização da criação de Ageniaspis citricola Logvinovskaya, 1983 (Hymenoptera: Encyrtidae) em laboratório e sua adaptação no Estado de São Paulo (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MILANO, PATRÍCIA - ESALQ
  • Unidades: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LEF
  • Subjects: CONTROLE BIOLÓGICO; FRUTAS CÍTRICAS; INSETOS (CRIAÇÃO); INSETOS PARASITOIDES; LAGARTAS
  • Language: Português
  • Abstract: A pesquisa teve como objetivo otimizar a criação em laboratório de Ageniaspis citricola Logvinovskaya, 1983, parasitóide específico de Phyllocnistis citrella Stainton, 1856, Lepidoptera - Gracillariidae, minador-dos-citros; bem como verificar a adaptação do parasitóide no Estado de São Paulo. Os bioensaios relacionados à otimização da criação de A. citricola foram desenvolvidos no laboratório de Biologia de Insetos do Departamento de Entomologia, Fitopatologia e Zoologia Agrícola da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (ESALQ), campus de Piracicaba da Universidade de São Paulo (USP). A adaptação do parasitóide no Estado de São Paulo foi verificada através de levantamentos realizados no período de novembro de 2000 a fevereiro de 2001, em 16 pomares pertencentes ao grupo FISCHER S/A Agropecuária. Na otimização da criação de A. citricola, observou-se que a proporção de 2:1 (casais de P. citrella / planta) em tubetes foi a mais adequada para a obtenção de ovos para a criação do minador-dos-citros e do parasitóide. Em função dos resultados obtidos com mudas de citros de dois tamanhos, pode-se inferir que o sistema de produção de P. citrella em tubetes é mais econômico, ocupando menos espaço do que o sistema em mudas de 10 meses facilitando experimentos em condições controladas. O comportamento do minador foi variável entre variedades de citros, em testes de confinamento e de livre escolha. Não existiu diferença de parasitismo por A. citricola entre ovos elagartas de 1o ínstar de P. citrella. Considerando-se a média de pupas por hospedeiro, viabilidade pupal e a duração do ciclo de A. citricola, deve ser recomendada a temperatura de '25 GRAUS'C para a criação do parasitóide em laboratório. Em liberações inoculativas, não houve diferenças na emergência de A. citricola em copos plásticos ou tubetes mantidos no campo e nem na idade das pupas a serem liberadas. O parasitóide, três anos após sua introdução ) no Brasil, está completamente adaptado, especialmente nas regiões sul e centro do estado de São Paulo, predominando em relação à espécie mais abundante anteriormente à sua introdução, Galeopsomyia fausta LaSalle
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.03.2002
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MILANO, Patrícia; PARRA, José Roberto Postali. Otimização da criação de Ageniaspis citricola Logvinovskaya, 1983 (Hymenoptera: Encyrtidae) em laboratório e sua adaptação no Estado de São Paulo. 2002.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2002. Disponível em: < http://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11146/tde-20181127-162002/ >.
    • APA

      Milano, P., & Parra, J. R. P. (2002). Otimização da criação de Ageniaspis citricola Logvinovskaya, 1983 (Hymenoptera: Encyrtidae) em laboratório e sua adaptação no Estado de São Paulo. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11146/tde-20181127-162002/
    • NLM

      Milano P, Parra JRP. Otimização da criação de Ageniaspis citricola Logvinovskaya, 1983 (Hymenoptera: Encyrtidae) em laboratório e sua adaptação no Estado de São Paulo [Internet]. 2002 ;Available from: http://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11146/tde-20181127-162002/
    • Vancouver

      Milano P, Parra JRP. Otimização da criação de Ageniaspis citricola Logvinovskaya, 1983 (Hymenoptera: Encyrtidae) em laboratório e sua adaptação no Estado de São Paulo [Internet]. 2002 ;Available from: http://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11146/tde-20181127-162002/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020