Exportar registro bibliográfico

Depuração de ostra (Crassostrea brasiliana) contaminada artificialmente com Vibrio cholerae 01, V. parahaemolyticus. V. vulnificus e Salmonella Enteritidis (2001)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: LOPES, GISELLE IBETTE SILVA LOPEZ - FCF
  • Unidades: FCF
  • Sigla do Departamento: FBA
  • Subjects: OSTRA (MICROBIOLOGIA); ALIMENTOS DE ORIGEM ANIMAL (MICROBIOLOGIA); MICROBIOLOGIA DE ALIMENTOS; ALIMENTOS (MICROBIOLOGIA)
  • Language: Português
  • Abstract: As ostras, moluscos bivalves, que se alimentam por filtração, são imporatntes, veículos de microrganismos Patogenicos como Vibrio spp., Salmonella spp., virus e outros. Entre os diversos processos atualmente empregados para sua depuração são citados relaying e depuração. A depuração pode ser realizada usando água clorada, ou tratada com luz UV ou ozônio. Esta pesquisa teve porobjetivo determinar o tempo de depuração necessário para reduzir populações de V. cholerae 01, V. parahaemolyticus, V. vulnificus e Salmonella Enteritidis, incorporados em ostra (Crassostrea brasiliana) para níveis não detectáveis. A água do mar foi ozonizada utilizando o aparelho comercial Ozontec. A ozonização foi realizada ao longo de 24 horas, com coletas de água do mar e ostras após 2,4,6,8,12 e 24horas determinado o número mais provável para cada bactéria. Os resultados demonstraram que o período de 24 horas não foi suficiente para reduzir a população bacteriana para níveis não detectáveis
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.08.2001

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LOPES, Giselle Ibette Silva Lópes; LANDGRAF, Mariza. Depuração de ostra (Crassostrea brasiliana) contaminada artificialmente com Vibrio cholerae 01, V. parahaemolyticus. V. vulnificus e Salmonella Enteritidis. 2001.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2001.
    • APA

      Lopes, G. I. S. L., & Landgraf, M. (2001). Depuração de ostra (Crassostrea brasiliana) contaminada artificialmente com Vibrio cholerae 01, V. parahaemolyticus. V. vulnificus e Salmonella Enteritidis. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Lopes GISL, Landgraf M. Depuração de ostra (Crassostrea brasiliana) contaminada artificialmente com Vibrio cholerae 01, V. parahaemolyticus. V. vulnificus e Salmonella Enteritidis. 2001 ;
    • Vancouver

      Lopes GISL, Landgraf M. Depuração de ostra (Crassostrea brasiliana) contaminada artificialmente com Vibrio cholerae 01, V. parahaemolyticus. V. vulnificus e Salmonella Enteritidis. 2001 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020