Exportar registro bibliográfico

Identificação e clonagem molecular de alérgeno de Periplaneta americana (2000)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SANTOS, ANA BEATRIZ ROSSETTI - FMRP
  • Unidades: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPM
  • Subjects: IMUNOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: A alergia à barata representa um fator de risco importante para o desenvolvimento de asma. A combinação de exposição a níveis elevados de alérgenos de barata no ambiente e a presença de sensibilização à barata está associada ao aumento na morbidade por asma em crianças. É de grande interesse o isolamento e identificação dos principais alérgenos de barata, associados ao desenvolvimento de resposta de anticorpos do tipo IgE. Alergia à barata esteve presente em 55% dos pacientes com asma e/ou rinite alérgica vivendo em Ribeirão Preto e São Paulo, quando foram avaliados por testes cutâneos de hipersensibilidade imediata. Técnicas de imunoquímica a biologia molecular foram utilizadas para identificar alérgenos de barata da espécie Periplaneta americana, predominante na região de Ribeirão Preto. Foi realizado o rastreamento de uma biblioteca de cDNA de P. americana, construída em vetor de expressão UniZAP-XR, utilizando anticorpos IgE de uma mistura de soros de pacientes com testes cutâneos positivos para extratos de baratas. Por rastreamento foi possível a identificação de cinco clones com capacidade de ligação a anticorpos IgE presente no soro de 50% dos pacientes alérgicos à barata. A análise da seqüência de nucleotídeos destes clones identificados demonstrou que a seqüência foi a mesma para todos, e mostrou alto grau de homologia com tropomiosinas, particularmente tropomiosinas de invertebrados. A tropomiosina de P. americana mostrou 80%, 81% e 82% deidentidade de seqüência com tropomiosinas de D. pteronyssinus, D. farinae a camarão, respectivamente, que já haviam sido previamente definidas como importantes alérgenos. Um anticorpo monoclonal dirigido contra tropomiosina de D. pteronyssinus, que também reconhece tropomiosina de camarão (anticorpo monoclonal lA6), mostrou ligação com músculo estriado de barata por imunofluorescência. Utilizando-se o mesmo anticorpo, foi possível isolar tropomiosina natural de P. (Continuaçåo) americana por cromatografia de afinidade, a partir de extrato de P. americana. Nossos resultados indicam que extratos de barata devem ser usados para a avaliação de pacientes com asma e/ou rinite alérgica no Brasil. A identificação de tropomiosina de P. americana como um alérgeno importante de barata tornará possível a investigação da reatividade cruzada entre baratas, ácaros a alimentos derivados de invertebrados
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.06.2000

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTOS, Ana Beatriz Rossetti; ARRUDA, Luisa Karla de Paula. Identificação e clonagem molecular de alérgeno de Periplaneta americana. 2000.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2000.
    • APA

      Santos, A. B. R., & Arruda, L. K. de P. (2000). Identificação e clonagem molecular de alérgeno de Periplaneta americana. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Santos ABR, Arruda LK de P. Identificação e clonagem molecular de alérgeno de Periplaneta americana. 2000 ;
    • Vancouver

      Santos ABR, Arruda LK de P. Identificação e clonagem molecular de alérgeno de Periplaneta americana. 2000 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020