Exportar registro bibliográfico

Reflexos da revolução russa no romance brasileiro dos anos trinta: Jorge Amado e Graciliano Ramos (2000)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CARVALHO, LUCIANO RIBEIRO DE - FFLCH
  • Unidades: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLC
  • Subjects: LITERATURA BRASILEIRA (HISTÓRIA E CRÍTICA); ROMANCE; HISTÓRIA DA EUROPA
  • Language: Português
  • Abstract: Esta dissertação estuda os reflexos da Revolução Russa no romance brasileiro dos anos 30, através da obra de Jorge Amado e Graciliano Ramos. Veremos como, por causa dessa nova temática, a literatura brasileira será levada a uma revisão do seu papel histórico, político e social. Desse modo, o objetivo central desse trabalho é o de analisar como esses autores pensavam sobre a possibilidade de uma revolução operária no Brasil. Analisaremos as diferentes manifestações estéticas que o romance brasileiro, inicialmente, adquiriu a partir da influência do marxismo. Ou seja, o Partido Comunista Brasileiro terá em Jorge Amado seu melhor representante. Graciliano Ramos pertence a uma outra linha que, aliada ao marxismo e sem esquecer das contradições peculiares da nossa história, avalia, de modo crítico, a possibilidade do proletariado brasileiro assumir uma consciência revolucionária
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.10.2000

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CARVALHO, Luciano Ribeiro de; REIS, Zenir Campos. Reflexos da revolução russa no romance brasileiro dos anos trinta: Jorge Amado e Graciliano Ramos. 2000.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000.
    • APA

      Carvalho, L. R. de, & Reis, Z. C. (2000). Reflexos da revolução russa no romance brasileiro dos anos trinta: Jorge Amado e Graciliano Ramos. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Carvalho LR de, Reis ZC. Reflexos da revolução russa no romance brasileiro dos anos trinta: Jorge Amado e Graciliano Ramos. 2000 ;
    • Vancouver

      Carvalho LR de, Reis ZC. Reflexos da revolução russa no romance brasileiro dos anos trinta: Jorge Amado e Graciliano Ramos. 2000 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020