Exportar registro bibliográfico

Influência da gravidez sobre a resposta não adrenérgica não colinérgica do estômago, duodeno e colón de rata (2000)

  • Authors:
  • Autor USP: BATISTA, JOSEMAR SENA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFA
  • Assunto: FARMACOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: A inervação não adrenérgica não colinérgica (NANC) inibitória é responsável pelo relaxamento do músculo liso de diversos segmentos do trato digestivo (TD). Como na gravidez normal ocorrem mudanças fisiológicas na motilidade tratogastrintestinal(TGI), é possivel que modificações na neurotransmissão NANC inibitória contribuam para o aparecimento dessas mudanças. Portanto, no presente trabalho determinamos se existem modificações dos relaxamentos induzidos pela ativação dos nervos NANCem tiras do fundo do estômago e segmentos proximais do duodeno e do cólon de ratas virgens a grávidas. A ativaçáo elétrica dos nervos NANC produziu relaxamento de modo freqüência-dependente nos trés tecidos estudados, cuja magnitude não variouentre ratas virgens e ratas com 7-8, 13-15 a 18-20 dias de gravidez. Nos grupos das ratas virgens a das ratas com I8-20 dias de gravidez, esta resposta foi inibida com a mesma intensidade pela Ng-nitro-L-arginina, um inibidor da enzima sintasede óxido nitrico. O muscimol náo produziu nenhuma resposta nas preparações do fundo do estómago, mas relaxou o duodeno de modo concentração dependente e sua poténcia e efeito máximo não variaram com a gravidez. Já no cólon, este agonistaGAGA-Aérgico só produziu relaxamento na concentração de 300''mu'M, cuja magnitude foi reduzida pela gravidez. A potência e a magnitude da resposta máxima da hidroxilamina, S-nitroso-N-acetil penicilamina (SNAP), cloprostenol a betanecolnãoforam modificadas pela gravidez, exceto no fundo de estômago de ratas com 13-15 dias de gravidez, em que houve uma redução na potência do SNAP. Nossos resultados permitem concluir que a resposta motora inibitória induzida pela ativação elétricados nervos NANC nos órgãos do TGI estudados não se altera durante a gravidez. Porém a resposta motora inibitória do cólon decorrente da ativação dos nervos nitrérgicos foi reduzida pela gravidez
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.05.2000

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BATISTA, Josemar Sena; BALLEJO, Gustavo. Influência da gravidez sobre a resposta não adrenérgica não colinérgica do estômago, duodeno e colón de rata. 2000.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2000.
    • APA

      Batista, J. S., & Ballejo, G. (2000). Influência da gravidez sobre a resposta não adrenérgica não colinérgica do estômago, duodeno e colón de rata. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Batista JS, Ballejo G. Influência da gravidez sobre a resposta não adrenérgica não colinérgica do estômago, duodeno e colón de rata. 2000 ;
    • Vancouver

      Batista JS, Ballejo G. Influência da gravidez sobre a resposta não adrenérgica não colinérgica do estômago, duodeno e colón de rata. 2000 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021