Exportar registro bibliográfico

Escalas temporais para reações entre íons-pesados leves (1999)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CARLIN FILHO, NELSON - IF
  • Unidades: IF
  • Sigla do Departamento: FNC
  • Subjects: FÍSICA NUCLEAR; ÍONS PESADOS
  • Language: Português
  • Abstract: 'ANTPOT.10 B' mostra que o tempo de vida do sistema intermediário é levemente superior ao tempo de revolução do mesmo, sugerindo que o mecanismo responsável por estas flutuações seja o orbiting nuclear. Foram feitas comparações com modelos onde há a formação de núcleo composto e orbiting nuclear e os resultados obtidos são consistentes com os dados experimentais. As medidas de correlações a pequenos momentos relativos foram realizadas para os sistemas ) 'ANTPOT.16 O' + 'ANTPOT.10 B' e 'ANTPOT.16 O' + 'ANTPOT.12 C', nas energias de bombardeamento de 62,5 e 64 MeV respectivamento. As correlações foram construídas para várias combinações de pares de partículas leves e pesadas, as quais podem refletir a presença de diferentes mecanismos de reação, tais como decaimento seqüencial do núcleo compostos, fusão-fissão e transferência. Os resultados foram obtidos com base em um programa, o qual através do método de Monte Carlo, simula a emissão das partículas e constroí as trajetórias Coulombianas seguidas pelas mesmas e pelo núcleo residual, sendo a escala temporal, um parâmetro a ser ajustado. As escalas temporais foram determinadas a partir de uma análise utilizando, além das correlações, espectros de coincidência para a diferença entre os módulos das velocidades das partículas. A forma destes espectros é sensível à ordem de emissão das partículas. No caso da presença de diferentes ordens de emissão, as quais poder estar associadas a diferentes processos,pode-se extrair, além da escala temporal, as frações correspondentes às ordens de emissão. Para o sistema 'ANTPOT.16 O' + 'ANTPOT.10 B' na energia de bombardeio de 62.5 MeV são apresentadas as correlações p-'alfa', d-'alfa', p-p e 'alfa-C. Para o sistema 'ANTPOT.16' + 'ANTPOT.12 C' energia de 64 MeV são apresentadas as correlações p-'alfa', d-'alfa', p-p e p-C. Os resultados em termos de escalas temporais para os dois sistemas foram consistentes. Constatou-se a presença dominante da contribuição do decaimento de um núcleo composto para as correlações entre partículas leves. Para correlações envolvendo partículas pesadas, as escalas temporais maiores obtidas podem sugerir a presença dos processos de fusão-fissão e transferênciaCom o objetivo de contribuir para um melhor entendimento da dinãmica de reações nucleares, foram determinadas escalas temporais para sistemas envolvendo íons-pesados leves, através de duas técnicas distintas (flutuações estatísticas e correlações a pequenos momentos relativos), sensiveis a diferentes estágios de evolução temporal. Para a técnica de flutuações estatísticas, foram realizadas medidas de seções de choque para processos onde ocorre a emissão binária de fragmentos complexos, utilizando técnicas de coincidência cinemática, para o sistema 'ANTPOT.16 O' + 'ANTPOT.10 B' no intervalo de 22 MeV '<OUR='Ec.m.'<OU='24.5 MeV com 'delta'Ec.m. 'DA ORDEM DE'20KeV e 17 MeV '<OU=' Ec.m. '<OU=' 25 MeV com 'delta'Ec.m. 'DA ORDEM DE'190 keV e para o sistema 'ANTPOT.19 F' + 'ANTPOT.12 C' em 22 MeV '<OU='Ec.m. '<OU=' 24.5 MeV com 'delta'Ec.m. 'DA ORDEM DE' 20 KeV. As funções de excitação obtidas apresentam fortes flutuações. As larguras médias destas flutuações foram obtidas através da análise das funções de correlação em energia. Para o sistema 'ANTPOT.16 O'+ 'ANTPOT.10 B' foram obtidas larguras da ordem de 25 KeV e 350 KeV. Para o sistema 'ANTPOT.19 F' + 'ANTPOT.12 C' obteve-se larguras da ordem de 40 KeV. As larguras menores mostram que o tempo de vida do sistema intermediário, da ordem de 2 x '10 POT.-20's, é muito superior ao seu tempo de rotação, condizente com o previsto para o mecanismo de fusão-fissão. A largura maior obtida para o sistema 'ANTPOT.16 O' +
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 01.12.1999
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CARLIN FILHO, Nelson. Escalas temporais para reações entre íons-pesados leves. 1999.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1999. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/43/tde-10092015-113726/pt-br.php >.
    • APA

      Carlin Filho, N. (1999). Escalas temporais para reações entre íons-pesados leves. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/43/tde-10092015-113726/pt-br.php
    • NLM

      Carlin Filho N. Escalas temporais para reações entre íons-pesados leves [Internet]. 1999 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/43/tde-10092015-113726/pt-br.php
    • Vancouver

      Carlin Filho N. Escalas temporais para reações entre íons-pesados leves [Internet]. 1999 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/43/tde-10092015-113726/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020