Exportar registro bibliográfico

Estudo de tratamentos físico-químicos: flotação por ar dissolvido, sedimentação, microfiltração e ozonização do efluente de uma fábrica de papel para imprimir visando o reuso de água (2000)

  • Authors:
  • Autor USP: COSTANZI, RICARDO NAGAMINE - EESC
  • Unidade: EESC
  • Sigla do Departamento: SHS
  • Subjects: TRATAMENTO DE ÁGUA; SANEAMENTO BÁSICO
  • Language: Português
  • Abstract: Neste trabalho são apresentados os resultados de pesquisa sobre a tratabilidade do efluente de fábrica de papel para imprimir (CelPaV/unidade Luiz Antônio) por processos físico-químicos visando o reuso de água. Em uma primeira etapa, descreveu-seo processo industrial com os principais pontos de entrada de água e de saída de efluentes. Em uma segunda etapa, foi realizada a caracterização físico-química e a medição de vazão dos principais pontos de lançamento de efluentes líquidos damáquina de papel. Em uma terceira etapa, foram realizados ensaios de sedimentação, de flotação por ar dissolvido, de microfiltração e de oxidação com ozônio do efluente total da máquina de papel e do efluente denominado água clara. Nos ensaiosde flotação por ar dissolvido, foram variadas dosagens de cloreto férrico e taxas de escoamento superficial. Nos ensaios de sedimentação, foram variadas dosagens de cloreto férrico, pH e taxas de escoamento superficial. Nos ensaios demicrofiltração, utilizou-se membrana com porosidade de 0,1 m e tempo de carreira máximo de 90 minutos. Nos ensaios com ozônio variou-se o tempo de aplicação (entre 1 e 30 min) e o pH. Posteriormente, foram feitos ensaios de ozonização precedendoe posterior a flotação por ar dissolvido e de ozonização após a microfiltração com peróxido de hidrogênio variando a relação H2O2/O3 (0; 0,2; 0,4 e 0,6). De maneira geral, os processos de tratamento estudados produziram efluentes com turbidez,cor aparente, DQO e SST baixas, o queindica possibilidade de reuso indireto. Em alguns casos, notadamente para a microfiltração e para flotação, a qualidade do efluente tratado, no que se refere a turbidez e SST é semelhante à da estação detratamento de água (ETA). Os resultados obtidos pela sedimentação da amostra composta por 1 parte do efluente água clara e 9 partes da água bruta da ETA indicam a viabilidade de reuso direto do efluente água clara pela substituição de 10% da da água bruta na ETA, o que corresponde a vazão de 250m3/h do efluente água clara
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.03.2000

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      COSTANZI, Ricardo Nagamine; DANIEL, Luiz Antonio. Estudo de tratamentos físico-químicos: flotação por ar dissolvido, sedimentação, microfiltração e ozonização do efluente de uma fábrica de papel para imprimir visando o reuso de água. 2000.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2000.
    • APA

      Costanzi, R. N., & Daniel, L. A. (2000). Estudo de tratamentos físico-químicos: flotação por ar dissolvido, sedimentação, microfiltração e ozonização do efluente de uma fábrica de papel para imprimir visando o reuso de água. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Costanzi RN, Daniel LA. Estudo de tratamentos físico-químicos: flotação por ar dissolvido, sedimentação, microfiltração e ozonização do efluente de uma fábrica de papel para imprimir visando o reuso de água. 2000 ;
    • Vancouver

      Costanzi RN, Daniel LA. Estudo de tratamentos físico-químicos: flotação por ar dissolvido, sedimentação, microfiltração e ozonização do efluente de uma fábrica de papel para imprimir visando o reuso de água. 2000 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021