Exportar registro bibliográfico

Uma avaliação do programa de formação de jovens empresários rurais PROJOVEM (2000)

  • Authors:
  • Autor USP: MANHANI, DANIELA CRISTINA - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Subjects: AGRONOMIA (ESTUDO E ENSINO); ESCOLA RURAL
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo analisa vantagens econômicas e sociais advindas da implantação do Programa de Formação de Jovens Empresários Rurais (PROJOVEM). Trata-se de um programa que utiliza metodologia diferenciada baseada na pedagogia de alternância, noconstrutivismo e na elaboração e implantação de projeto de investimento individual. Este programa visa atender os jovens, filhos de pequenos produtores, de parceiros e de trabalhadores rurais, deficientes em recursos físicos, financeiros ehumanos a fim de torná-los empresários rurais. São utilizados dados primários e secundários. A fonte primária de informações utilizada neste estudo foi obtida por meio de entrevistas. A entrevista forneceu os dados necessários à análisesócio-econômica, das expectativas dos jovens e suas famílias e ao cálculo da taxa interna de retorno. Os dados secundários foram conseguidos junto ao CEETEPS, estatísticas do IBGE e outras fontes da literatura. O estudo mostrou que o PROJOVEMatende principalmente famílias carentes do meio rural e jovens interessados em trabalhar e permanecer no campo, sendo que algumas mudanças de caráter social, comportamental e econômicas já são visíveis. Os jovens estão mais integrados àcomunidade, mais interessados pelo trabalho, melhoraram o relacionamento com a família, introduzem novas técnicas na propriedade e, com a aplicação do que eles aprenderam durante a implantação do projeto de investimento, têm chances de aumentara renda da família de maneira sustentadae continuada. A análise sobre a função dos monitores dentro do programa detectou falhas na formação de alguns, apesar de possuírem conhecimento técnico alguns não possuem vivência empresarial e nemprática com a metodologia de ensino proposta pelo PROJOVEM. Entretanto, eles conseguem, por meio de aulas diferenciadas que retratam o ambiente do jovem, despertar seu interesse e participação no programa. O cálculo da taxa interna de retornomostrou que é ) mais vantajoso para o jovem rural cursar o PROJOVEM e implantar seu projeto de investimento que permanecer no campo como trabalhador rural ou ir para a cidade se dedicar a emprego não qualificado. A partir do momento que o programapossibilita rendimentos maiores no campo que na cidade, o setor urbano deixa de ser tão atrativo para o jovem rural. Os resultados permitem concluir que o PROJOVEM é um programa desejável tanto do ponto de vista econômico como social, podendocontribuir para o fortalecimento da agricultura familiar e tornar-se um fator de desenvolvimento das regiões mais carentes
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.06.2000
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MANHANI, Daniela Cristina; PERES, Fernando Curi. Uma avaliação do programa de formação de jovens empresários rurais PROJOVEM. 2000.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2000. Disponível em: < http://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11132/tde-20181127-155032/ >.
    • APA

      Manhani, D. C., & Peres, F. C. (2000). Uma avaliação do programa de formação de jovens empresários rurais PROJOVEM. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11132/tde-20181127-155032/
    • NLM

      Manhani DC, Peres FC. Uma avaliação do programa de formação de jovens empresários rurais PROJOVEM [Internet]. 2000 ;Available from: http://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11132/tde-20181127-155032/
    • Vancouver

      Manhani DC, Peres FC. Uma avaliação do programa de formação de jovens empresários rurais PROJOVEM [Internet]. 2000 ;Available from: http://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11132/tde-20181127-155032/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021