Exportar registro bibliográfico

Propriedades eletrocatalíticas e superficiais dos eletrodos revestidos de óxidos de rutênio + cobalto (2000)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, LEONARDO MORAIS DA - FFCLRP
  • Unidade: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 593
  • Assunto: QUÍMICA
  • Language: Português
  • Abstract: Propriedades eletrocatafticas e superficiais dos eletrodos de óxidos binários de composição nominal Ti/Ru 'O IND.2' (x) + 'CO IND.3' 'O IND.4' (1 - x), com 0 'OU =' x 'OU =' 1, preparados pela decomposição térmica de soluções dos saisprecursores,à '470 GRAUS'C, foram investigadas sistematicamente. Os óxidos foram caracterizados em função da composição: ex situ através de DRX e MEV, in situ através da medida do potencial em circuito aberto, da curva e da carga voltamétrica,da capacidadediferencial da dupla camada elétrica e do fator de rugosidade. Os eletrodos apresentaram uma variação da carga e das características voltamétricas, as quais mostraram ser dependentes da composição. O eletrodo contendo 100% mol deC'O IND.3' 'OIND.4' apresentou uma grande instabilidade a qual está associada à dissolução catódica do C'O IND.3''O IND.4' em meio ácido. A introdução do Ru 'O IND.2', na composição, reduziu sensivelmente este fenômeno. Foram realizadas estudoscinéticosempregando-se como modelo as reações de desprendimento de oxigênio (RDO) e de cloro (RDCI). Para esta reações, foram determinados os coeficientes de Tafel, as ordens de reação com respeito ao 'H POT.+' para a RDO e de 'C POT.-' e 'HPOT.+' para aRDCI, a valores de atividade eletrocalítica, tanto a "aparente" como a "verdadeira". A RDO mostrou ser dependente da composição dos óxidos e do intervalo de potencial contrário a RDCI, a qual mostrou ser totalmente independentedestesparâmetros.O máximo da atividade eletrocatalítica, tanto para a RDO como para a RDCI, ocorreu praticamente dentro da mesma faixa de composição (10 - 40% mol de Ru 'O IND.2') e foi atribuída tanto a efeitos de natureza morfológica comoeletrônica. Mecanismosdetalhados são propostos e discutidos para as duas reações. Estudos de corrosão em condições aceleradas revelaram que eletrodos contendo [Ru 'O IND.2'] '> OU -' 60% mol apresentam tempos de vida muito superiores ao do ) C'O IND.3' 'O IND.4' puro. A elevada rugosidade a porosidade das composições intermediárias parecem ser os fatores responsáveis pelos baixos tempo de vida útil observados nas drásticas condições de corrosão empregadas. Ainvestigaçãopor espectroscopia de impedância eletroquímica associada a estudos voltamétricos, permitiu propor mecanismos para o processo de desativação dos eletrodos submetidos aos testes de corrosão aceleradas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.03.2000

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Leonardo Morais da; FARIA, Luiz Antônio de. Propriedades eletrocatalíticas e superficiais dos eletrodos revestidos de óxidos de rutênio + cobalto. 2000.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2000.
    • APA

      Silva, L. M. da, & Faria, L. A. de. (2000). Propriedades eletrocatalíticas e superficiais dos eletrodos revestidos de óxidos de rutênio + cobalto. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Silva LM da, Faria LA de. Propriedades eletrocatalíticas e superficiais dos eletrodos revestidos de óxidos de rutênio + cobalto. 2000 ;
    • Vancouver

      Silva LM da, Faria LA de. Propriedades eletrocatalíticas e superficiais dos eletrodos revestidos de óxidos de rutênio + cobalto. 2000 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021