Exportar registro bibliográfico

Participação do sistema colinérgico da formação hipocampal dorsal na modulação da imobilidade tônica em cobaias (2000)

  • Authors:
  • Autor USP: BAPTISTA, VANDER - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFI
  • Assunto: FISIOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: Pode-se dizer que a IT, também denominada de "fingir de morto", é o último recurso defensivo de que dispõe a presa na tentativa de sobrevivência. É uma resposta reflexa e inata, caracterizando-se por uma profunda, mas reversível acinesia,relativa irresponsividade aos estímulos externos, hipertonicidade muscular e perda do reflexo de endireitamento, o que mantém o animal em uma postura inabitual e desajeitada, assemelhando, deveras, ao animal morto em rigidez cadavérica, o quepor certo logra o desinteresse do predador. A formação hipocampal, a mais conspícua e enigmática estrutura do sistema límbico, além de outras funções que lhe são atribuídas, a sua atividade bioelétrica tem sido associada à atividade motora e àsensação de medo, duas variáveis relacionadas ao comportamento de IT. A literatura diz que a ablação hipocampal prolonga o tempo de duração da IT, proclamando a participação desta estrutura na resposta acinética-defensiva de IT. O sistemacolinérgico, com profuso desenvolvimento na FH, além de outras inumeráveis funções, reúne envolvimento com a atividade locomotora, com a antinocicepção, com o alerta comportamental e com o próprio comportamento de IT. A microinjeçãointrahipocampal de carbacol, um agonista colinérgico, culmina e, hiperatividade locomotora. A administração de escopolamina, um antagonista colinérgico, altera o padrão eletroencefalográfico do hipocampo e aumenta aduração dos episódios de IT. Oobjetivo deste trabalho foi investigar aparticipação do sistema colinérgico da FHD na modulação da resposta de IT. Para tanto, utilizou-se da microinjeção intrahipocampal de carbacol e/ou atropina. Encontramos que a estimulação colinérgica daFHD diminui a duração da resposta e que este efeito é bloqueado pela pré-microinjeção de atropina (em uma dose que é por si sem efeito), deixando manifesta a participação dos receptores muscarínicos. Ademais, a administração intrahipocampal deatropina ) isoladamente, em maiores concentrações, potencializa a resposta da IT. Dos resultados obtidos e dos dados da literatura, sugerimos uma hipótese: durante a IT a FH analisa e integra as informações sensoriais e em momento oportunoenvia sinais às estruturas envolvidas em respostas motoras do tronco encefálico evocando atividade motora própria à retomada do reflexo de endireitamento, pondo fim ao momento acinético de IT
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.02.2000

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BAPTISTA, Vander; MENESCAL-DE-OLIVEIRA, Leda. Participação do sistema colinérgico da formação hipocampal dorsal na modulação da imobilidade tônica em cobaias. 2000.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2000.
    • APA

      Baptista, V., & Menescal-de-Oliveira, L. (2000). Participação do sistema colinérgico da formação hipocampal dorsal na modulação da imobilidade tônica em cobaias. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Baptista V, Menescal-de-Oliveira L. Participação do sistema colinérgico da formação hipocampal dorsal na modulação da imobilidade tônica em cobaias. 2000 ;
    • Vancouver

      Baptista V, Menescal-de-Oliveira L. Participação do sistema colinérgico da formação hipocampal dorsal na modulação da imobilidade tônica em cobaias. 2000 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021