Exportar registro bibliográfico

Educação e melancolia na formação da mulher: da gênese do autoritarismo aos limites da resistência (1999)

  • Authors:
  • Autor USP: GIORDANO, ROSELY CABRAL - IP
  • Unidade: IP
  • Sigla do Departamento: PSA
  • Subjects: MULHERES; TRABALHO RURAL; SEXO (ASPECTOS SOCIAIS); ESCOLA DE FRANKFURT; AUTOCONCEITO
  • Language: Português
  • Abstract: Busquei analisar, a partir das memórias de mulheres camponesas, da região sul/sudeste do Pará, a intervenção realizada pela Universidade Federal do Pará, examinando a pesquisa Mulheres Trabalhadoras Rurais e Engajamento Sindical:resgatedeidentidade(s)? - um estudo no sul do Pará, de autoria da professora Maria Eunice Guedes, para discutir, sob a ótica da Escola de Frankfurt - especificamente das obras de Adorno e Horkheimer -, o tema Educação e Cultura e, no interiordeste,anatureza das relações tecidas entre a Universidade e a Sociedade. Nesse sentido é que se pode entender o porquê de incluir aqui uma pesquisa junto à essas mulheres, em busca de conhecer sua realidade e as representações que fazem acercadesuasexualidade - dado que a referida pesquisa trabalhou também com a questão da sexualidade. Evoquei, assim, através das memórias das trabalhadoras rurais, fontes para discutir se a pesquisa aqui tomada como objeto de análise - e,porconseqüência,a Universidade - constituiu-se em instrumento de fortalecimento da resistência ou, se, por oposição, impôs-lhe limites, fortalecendo, portanto, o autoritarismo. Busquei, ainda, compreender parte da história de vida e da realidadeemque vivem as"mulheres trabalhadoras rurais", para poder analisar, especificamente, a conferência de Adorno, 'La educación después de Auschwitz', delimitando aí a proposição do autor quanto a necessidade de promover, especialmentejuntoàpopulaçãocamponesa, o movimento do esclarecimento, pelo fato da pesquisa revisitada ter sido realizada no campo, o que - por tratar da relação entre a consciência de gênero e a qualidade da ação sindical dessas mulheres, a partir dopressupostoteóricode que a "visibilidade" da mulher se acentua à medida em que esta toma consciência de sua identidade de gênero -. motivaria um atuação sindical mais combativa, manifestando, assim, a intenção de esclarecer esse segmento social.O objetivo deste estudo é, ) portanto, investigar o papel desempenhado pela Universidade, especificamente o da Universidade Federal do Pará, através de seus projetos de pesquisa - projetos esses que, acredito, deveriam ser fundados na buscadaextensão domovimento do esclarecimento, da autonomia e da emancipação social e política
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.09.1999

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GIORDANO, Rosely Cabral; BOMTEMPO, Edda. Educação e melancolia na formação da mulher: da gênese do autoritarismo aos limites da resistência. 1999.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1999.
    • APA

      Giordano, R. C., & Bomtempo, E. (1999). Educação e melancolia na formação da mulher: da gênese do autoritarismo aos limites da resistência. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Giordano RC, Bomtempo E. Educação e melancolia na formação da mulher: da gênese do autoritarismo aos limites da resistência. 1999 ;
    • Vancouver

      Giordano RC, Bomtempo E. Educação e melancolia na formação da mulher: da gênese do autoritarismo aos limites da resistência. 1999 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020