Exportar registro bibliográfico

Utilização do toque terapêutico no processo de cuidar de pessoas com dor crônica não-neoplásica: avaliação da experiência pelo paciente e verificação dos efeitos sobre a intensidade, significado psicológico da dor e escores de auto avaliação de depressão (1999)

  • Authors:
  • Autor USP: MARTA, ILDA ESTEFANI RIBEIRO - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERG
  • Assunto: ESPECIALIDADES DA ENFERMAGEM
  • Language: Português
  • Abstract: O presente estudo objetivou investigar o efeito do Toque Terapêutico sobre a intensidade a significado psicológico da dor, sobre os escores de auto-avaliação de depressão, assim como a avaliação da experiência pelos sujeitos. Foi realizado um quasi-experimento, a amostra constou de trinta sujeitos com dor crônica não-neoplásica. Os sujeitos receberam duas sessões semanais de Toque Terapêutico durante quatro semanas. A Escala Visual Analógica para dor a as escalas do Diferencial Semântico foram aplicadas antes e após cada sessão, o Inventário Beck antes da primeira a após a última e o Formulário para Avaliação da Experiência de Receber Toque Terapêutico após cada sessão. A análise dos dados demonstrou redução significativa na média dos escores da Escala Visual Analógica, após as sessões, confirmando a hipótese de que o Toque Terapêutico exerce efeito redutor sobre a intensidade da dor de pessoas com dor crônica não-neoplásica. A média geral dos escores do Diferencial Semântico, antes a depois de cada sessão, apresentou diminuição significativa em quatro sessões. A diferença entre as médias antes da primeira e após a última sessão foi significativa para dez escalas, não significativa para quatro escalas, enquanto que, para uma escala houve aumento da média. Estes resultados confirmam parcialmente a hipótese de que o Toque Terapêutico modifica o significado psicológico da dor em pessoas com dor crônica não neoplásica, aumentando a positividade do mesmo. A média dosescores do Inventário Beck, antes da primeira e após a última sessão, diminuiu significativamente confirmando a hipótese de que o Toque Terapêutico exerce efeito redutor sobre os escores de auto-avaliação de depressão de pessoas com dor crônica não-neoplástica. Dez dos onze itens positivos do Formulário de Avaliação da Experiência de Receber Toque Terapêutico tiveram freqüência de resposta entre 93,7 e 97,9% e um dos itens teve freqüência de 57,9%, ) confirmando a hipótese de que a frequência de respostas de frases que expressam uma avaliação positiva da experiência excede 50% do total de sessões realizadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.08.1999

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARTA, Ilda Estefani Ribeiro; PELÁ, Nilza Teresa Rotter. Utilização do toque terapêutico no processo de cuidar de pessoas com dor crônica não-neoplásica: avaliação da experiência pelo paciente e verificação dos efeitos sobre a intensidade, significado psicológico da dor e escores de auto avaliação de depressão. 1999.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 1999.
    • APA

      Marta, I. E. R., & Pelá, N. T. R. (1999). Utilização do toque terapêutico no processo de cuidar de pessoas com dor crônica não-neoplásica: avaliação da experiência pelo paciente e verificação dos efeitos sobre a intensidade, significado psicológico da dor e escores de auto avaliação de depressão. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Marta IER, Pelá NTR. Utilização do toque terapêutico no processo de cuidar de pessoas com dor crônica não-neoplásica: avaliação da experiência pelo paciente e verificação dos efeitos sobre a intensidade, significado psicológico da dor e escores de auto avaliação de depressão. 1999 ;
    • Vancouver

      Marta IER, Pelá NTR. Utilização do toque terapêutico no processo de cuidar de pessoas com dor crônica não-neoplásica: avaliação da experiência pelo paciente e verificação dos efeitos sobre a intensidade, significado psicológico da dor e escores de auto avaliação de depressão. 1999 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021