Exportar registro bibliográfico

O romanceiro tradicional no nordeste do Brasil: uma abordagem semiótica (1999)

  • Authors:
  • Autor USP: BATISTA, MARIA DE FATIMA BARBOSA DE MESQUITA - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLL
  • Assunto: SEMIÓTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Procuramos fazer, neste trabalho, uma abordagem semiótica do romanceiro tradicional no nordeste do Brasil, com vista à caracterização da cultura imanente nos textos. O modelo teórico escolhido foi greimasiano que pensou semiótica como ciência da significação, em especial, os trabalhos de Algirdas Julien Greimas: Du Sens, Essais semiotiqiie e Du Sens II; os de Joseph Courtés Introduction à la semiotique narrative et discursive e Semantique de l'enoticé, applications pratiques; e os de Cidmar Teodoro Pais Cotiditions semantico-syntaxiques de la productivité systemique lexicale et discursive e Sociossemiótica das culturas. Além desses, levamos em consideração os estudos mais significativos realizados sobre romanceiro, principalmente na Ibéria, entre os quais Os romances carolíngios da tradição oral portuguesa, de João David Pinto Correia, cuja metodologia utilizam no aproveitamento das diferentes versões do romanceiro para a abordagem semiótica. Partimos do princípio de que cada variante de um romance oral representa apenas um fragmento de sua significação total. Esta só é possível obter comparando todas as variantes. O corpus constou dos romances orais coletados e publicados no nordeste do Brasil, de que foi retirada uma amostragem constituída dos tipos que apresentaram maior número de variantes, a saber: 0 veneno de Moriana, As filhas da Condessa, O Cego e O conde Alarcos. Estudando a segmentação de cada versão levantada, foi possivel estabelecer as variaçõessemioticamente pertinentes e distribuí-las em grupos, distintos quanto ao fato de apresentarem ou não certos segmentos textuais. Cada grupo foi codificado e analisado de acordo com os momentos do percurso da significação: estruturas narrativas, estruturas discursivas e semântica profunda. Isto permitiu-nos extrair a ideologia imanente nos textos, os microssistemas de valores aumentados pela cultura. Por fim, foi possível classificar a cultura, num enfoque ) da semiótica das culturas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.09.1999

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BATISTA, Maria de Fátima Barbosa de Mesquita; PAIS, Cidmar Teodoro. O romanceiro tradicional no nordeste do Brasil: uma abordagem semiótica. 1999.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1999.
    • APA

      Batista, M. de F. B. de M., & Pais, C. T. (1999). O romanceiro tradicional no nordeste do Brasil: uma abordagem semiótica. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Batista M de FB de M, Pais CT. O romanceiro tradicional no nordeste do Brasil: uma abordagem semiótica. 1999 ;
    • Vancouver

      Batista M de FB de M, Pais CT. O romanceiro tradicional no nordeste do Brasil: uma abordagem semiótica. 1999 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021