Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Prevalência da hipertensão arterial referida, percepção de sua origem e formas de controle em área da metropolitana de São Paulo-SP (1989-1990) (1999)

  • Authors:
  • Autor USP: SOUSA, ANA LUIZA LIMA - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HEP
  • DOI: 10.11606/T.6.2020.tde-16042020-133922
  • Subjects: MEDICAMENTO; HIPERTENSÃO
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivo. Estudar a prevalência da hipertensão arterial, a percepção de sua origem pela população segundo os modelos etiológicos, as formas de controle e a correlação entre os modelos e formas de controle. Material e Métodos. Utilizou-se banco de dados primário gerado por inquérito domiciliar de saúde (1989-1990), com 10199 entrevistas. Foi analisada a prevalência da morbidade referida, os modelos etiológicos, uso dos serviços e de medicação, e a correlação entre o modelo de percepção e estas formas de controle. Na análise estatística foi utilizado o teste qui-quadrado, regressão logística e freqüências absolutas e relativas. Resultados. A população de hipertensos maiores de 20 anos foi constituída de 1681 indivíduos. A prevalência da hipertensão foi de 18,0%. Foi maior no sexo feminino e indivíduos com menor escolaridade. Prevaleceu o modelo de percepção endógeno. As mulheres apresentaram mais este modelo (p< 0,00001). A maioria não usava os serviços de saúde (63,8%) e 44,0% não usavam medicação. As mulheres procuraram mais pela assistência (p = 0,00002) e apresentavam mais uso de medicamentos (p = 0,00006). O modelo de percepção esteve associado com o uso de serviços, mas não ao de medicamentos. Conclusões. A prevalência referida reflete a taxa de detecção de casos e subestima o valor real. O modelo de percepção endógeno prevaleceu na população e isto deve ser usado para o planejamento e para estratégias de abordagem terapêutica.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.10.1999
  • Acesso à fonteDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/T.6.2020.tde-16042020-133922 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc-sa

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOUSA, Ana Luisa Lima; CESAR, Chester Luiz Galvão. Prevalência da hipertensão arterial referida, percepção de sua origem e formas de controle em área da metropolitana de São Paulo-SP (1989-1990). 1999.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1999. Disponível em: < https://doi.org/10.11606/T.6.2020.tde-16042020-133922 > DOI: 10.11606/T.6.2020.tde-16042020-133922.
    • APA

      Sousa, A. L. L., & Cesar, C. L. G. (1999). Prevalência da hipertensão arterial referida, percepção de sua origem e formas de controle em área da metropolitana de São Paulo-SP (1989-1990). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://doi.org/10.11606/T.6.2020.tde-16042020-133922
    • NLM

      Sousa ALL, Cesar CLG. Prevalência da hipertensão arterial referida, percepção de sua origem e formas de controle em área da metropolitana de São Paulo-SP (1989-1990) [Internet]. 1999 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2020.tde-16042020-133922
    • Vancouver

      Sousa ALL, Cesar CLG. Prevalência da hipertensão arterial referida, percepção de sua origem e formas de controle em área da metropolitana de São Paulo-SP (1989-1990) [Internet]. 1999 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2020.tde-16042020-133922

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021