Exportar registro bibliográfico

Análise do controle estrutural metalogênico em Cuba Centro-Oriental, com base em dados integrados (1999)

  • Authors:
  • Autor USP: MARRERO, CARBENY RAMIRO CAPOTE - IGC
  • Unidade: IGC
  • Sigla do Departamento: GGE
  • Subjects: GEOLOGIA; SENSORIAMENTO REMOTO; RESERVA MINERAL; CUBA
  • Language: Português
  • Abstract: Em Cuba Centro-Oriental, a análise da integração de dados Landsat-TM, com os provenientes da informação geológica, geoquímica, geomorfológica e geofísica, resultou em uma grande quantidade de novos dados e interpretações sobre as regularidades de distribuição magmático-estruturais das mineralizações de ouro e metais base. O desenvolvimento econômico de Cuba exige a reavaliação urgente do potencial mineral de grandes porções de seu território. Para isto, resulta imprescindível um melhor conhecimento da relação existente entre as estruturas e a mineralização, nos diferentes ambientes tectônicos presentes. A parte centro-oriental de Cuba constitui uma das áreas mais favoráveis do País para a localização de novas reservas de ouro e de petróleo. A pesquisa cobriu uns 20.000 Km2 deste território, abrangendo a região da Bacia Central e uma grande parte do arco de ilhas vulcânicas do Cretáceo. A via escolhida para aproximar-se às regularidades estruturais buscadas foi a assinatura. Isto é, aquele conjunto de critérios e indicadores que caracterizam a ocorrência e evolução de um elemento, sub-sistema ou sistema estrutural. O procedimento desenvolvido foi uma reinterpretação da informação geológica disponível, centrada no uso do Sensoriamento Remoto que, partindo de setores teste, terminou na análise regional. As imagens básicas utilizadas foram as tomadas pelo sensor Thematic Mapper, do Landsat-5. As técnicas de processamento aplicadas foram, fundamentalmente, composiçõescoloridas entre bandas, razões e principais componentes, bem como classificações não supervisionadas. Através destes tratamento foram encontradas diferenças de tonalidades na paisagem e realçada a rede de drenagem, indicadores, tanto de lineamentos e formas curvas, como de litologias e alterações nas rochas. Os dados integrados com as imagens são de natureza geológica, geomrfológica, geoquimica e geofísica, sendo realizada esta integração por duas ) vias. Uma, está baseada em técnicas de processamento de imagem, tais como a HSI e a superposição de isolinhas, aplicando-se no caso de se dispor de dados originais em formato digital, o qual ficou restrito à informação do campo magnético residual. A outra via, baseou-se na criação de um mapa de indicadores geológicos, geomorfológicos, geofísicos e geoquímicos, e sua superposição sobre as imagens de Sensoriamento Remoto. Os resultados atingidos pela pesquisa correspondem com os objetivos planejados. A mineralização de arco endógena encontra-se associada ao magmatismo tardio do arco (Campaniano Inferior), desenvolvido em zonas de cruzamento de tectolineamentos sin-arco NE, WNW e N-S. A mineralização aurífera epitermal vincula-se a estruturas vulcânicas, provavelmente caldeiras, enquanto o ouro em veios e o cobre porfirítico relaciona-se com o desenvolvimento do magmatismo hipabissal e sub-vulcânico. Foram inferidas pela pesquisa grandes estruturas vulcânicas e hipabissais, incluindo grandes áreas onde era consideradoanteriormente apenas o desenvolvimento da cobertura cenozóica. Assumindo-se cada uma delas novas estruturas detectadas como um setor metalogenético de interesse, isso representaria o aumento em um 600% da área total considerada atualmente para a reavaliação aurífera do território. Por outro lado, na região da Bacia Central foram encontradas estreitas relações espaciais entre as jazidas conhecidas e os tectolineamentos transtensivos de direções NE e N-S, a maior parte deles detectada pela pesquisa. De validar-se em um futuro esta relação espacial como um critério genético, se completaria o modelo de prospecção do território ao explicar-se um processo tão importante como é o de migração vertical dos hidrocarbonetos. Conseqüentemente, a possibilidade de adicionar em um mapa um atributo de forma linear, forneceria uma poderosa via de discriminação de lugares para perfurar
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.08.1999
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAPOTE MARRERO, Carbeny Ramiro; AMARAL, Gilberto. Análise do controle estrutural metalogênico em Cuba Centro-Oriental, com base em dados integrados. 1999.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1999. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44133/tde-10112015-160205/pt-br.php >.
    • APA

      Capote Marrero, C. R., & Amaral, G. (1999). Análise do controle estrutural metalogênico em Cuba Centro-Oriental, com base em dados integrados. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44133/tde-10112015-160205/pt-br.php
    • NLM

      Capote Marrero CR, Amaral G. Análise do controle estrutural metalogênico em Cuba Centro-Oriental, com base em dados integrados [Internet]. 1999 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44133/tde-10112015-160205/pt-br.php
    • Vancouver

      Capote Marrero CR, Amaral G. Análise do controle estrutural metalogênico em Cuba Centro-Oriental, com base em dados integrados [Internet]. 1999 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44133/tde-10112015-160205/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021