Exportar registro bibliográfico

Geologia, mineralogia e gênese das esmectitas dos depósitos paleogênicos do rift continental do sudeste do Brasil (1999)

  • Authors:
  • Autor USP: SANT'ANNA, LUCY GOMES - IGC
  • Unidade: IGC
  • Sigla do Departamento: GMP
  • Assunto: MINERALOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: A presente tese teve por objetivo o estudo da geologia, mineralogia e gênese das esmecitas dos sedimentos paleogênicos do Rift Continental do Sudeste do Brasil (RCBS), representados pelo Grupo Taubaté (bacias de Resende, Volta Redonda, Taubaté eSão Paulo), e formações Itaboraí (na bacia homônima), Sete Barras (no graben homônimo) e Guabirotuba (Bacia de Curitiba), com vistas à caracterização e o detalhamento do conhecimento destes argilominerais, bem como reconhecer as possíveis áreasfontes dos sedimentos argilosos no quadro paleogeográfico e paleoclimático da região durante o Paleógeno. Para tanto, foram realizados trabalhos geológicos de campo, para o reconhecimento e amostragem dos depósitos sedimentares, bem comoanálises laboratoriais para caracterização mineralógica e geoquímica das esmectitas (estudos petrográficos, difração de raios X, microscopia eletrônica de varredura com análise química pontual qualitativa e semi-quantitativa, análise geoquímicade rocha total e frações finas via ICP/AES e ICP/MS. Adicionalmente, foram também estudadas as rochas carbonáticas que ocorrem associadas aos depósitos paleogênicos do RCSB, de modo a acompanhar o quadro geológico evolutivo da região ondeestavam se desenvolvendo estas esmectitas. Os calcários fitados paleocênicos da Formação Itaboraí apresentaram feições texturais e valores negativos de isótopos estáveis (C, O) que corroboram sua classificação como depósitos de travertino,originados a partir de fontes ouressurgências de águas quentes (dezenas de graus celsius). No sistema de leques aluviais das formações Resende, Sete Barras, Guabirotuba e dos pacotes superiores da Formação Itaboraí, a matriz dos sedimentoslamíticos é constituída essencialmente por esmectitas (beidellitas) de origem detrítica. Mica e caulinita ocorrem em proporções variáveis e quartzo e feldspato são os principais clastos encontrados nestes lamitos. As esmectitas ocorrem comoplacas de granulação grossa (>5'MÜ'm) e bordas onduladas, compondo uma matriz maciça; o perfil afilado da reflexão basal 001 destas esmectitas, com FWHM < 1,3'GRAUS', sugere alta cristalinidade. Os sedimentos lacustres da Formação Tremembé são compostos por beidellitasdetríticas de granulação fina a média (<5'MÜ'm) e menor grau de cristalinidade, o qual se expressa pelo alargamento ou abaulamento da reflexão basal 001 (FWHM > 1,3'GRAUS') deste argilomineral nos difratogramas de raios X. Esta degradação nacristalinidade da esmectita é devido a interação deste mineral com as condições geoquímicas das águas lacustres. A origem destas esmectitas é atribuuida a processos de neoformação atuantes durante a geração de paleossolos a partir da alteraçãodas rochas pré-cambrianas do embasamento do RCSB, no Eoceno Inferior a Médio, quando as condições climáticas tendiam à aridez e o relevo havia sido aplainado pela Superfície Sul-Americana, no final do Cretáceo Superior a Paleógeno. Nessecontextopaleogeográfico e paleoclimático, o intemperismo químico atuou no sentido de homogeneizar mineralógica e geoquimicamente os produtos de alteração, em escala regional. Através dos estudos mineralógicos foram observados produtos efeicões, eodiagenéticas, como a formação de piritas, a compactação dos sedimentos e a formação de esmectitas autigênicas. O intemperismo químico atuou sobre os depósitos do RCBS desde sua deposição, tendo permitido a formação de halloysitas,calcretes pedogenéticos, crosta dura hematítica e gerações distintas de calunitas. A influencia de solu''cões hidrotermais sobre os depositos da Formação Resende é revelada por glóbulos e lepisferas de sílica e cristais euhedrais de banitaprecipitados em arenitos desta unidade nas bacias de Taubaté e São Paulo. As relações texturais encontradas indicam que a sílica formou-se previamente à banita. A caracterização gelógica, mineralogica e genética das esmectitas dos depósitospaleogênicos do RCBS permite apontar a origem detrítica e o alto grau de cristalinidade das esmectitas dos sedimentos lamíticos como factores limitantes para o seu emprego na indústria. Na Formação Tremembé, estas esmectitas detríticas sofreram alterações que induziram aformação de estruturas desordenadas, com maiores possibilidades de uso tecnológico. Para avaliação das potencialidades de uso destes argilominerais aponta-se a medição da largura a meia altura da reflexão 001 da esmectita, em difratograma deamostra total, como um parâmetro para controle das características mineralógicas deste mineral quando destinado ao uso industrial
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.04.1999
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANT'ANNA, Lucy Gomes; VALARELLI, Jose Vicente. Geologia, mineralogia e gênese das esmectitas dos depósitos paleogênicos do rift continental do sudeste do Brasil. 1999.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1999. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44135/tde-13112015-164510/pt-br.php >.
    • APA

      Sant'anna, L. G., & Valarelli, J. V. (1999). Geologia, mineralogia e gênese das esmectitas dos depósitos paleogênicos do rift continental do sudeste do Brasil. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44135/tde-13112015-164510/pt-br.php
    • NLM

      Sant'anna LG, Valarelli JV. Geologia, mineralogia e gênese das esmectitas dos depósitos paleogênicos do rift continental do sudeste do Brasil [Internet]. 1999 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44135/tde-13112015-164510/pt-br.php
    • Vancouver

      Sant'anna LG, Valarelli JV. Geologia, mineralogia e gênese das esmectitas dos depósitos paleogênicos do rift continental do sudeste do Brasil [Internet]. 1999 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44135/tde-13112015-164510/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020