Exportar registro bibliográfico

Calculo do risco de falha no controle de cheias: uma abordagem por equações diferenciais estocásticas (1998)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MEIRA, SILVANA APARECIDA - ICMC
  • Unidades: ICMC
  • Sigla do Departamento: SCE
  • Subjects: ESTATÍSTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho propõe um modelo estocástico em conjunto com conceitos de análise de confiabilidade. Nestes modelos, a afluência que atinge o reservatório durante uma cheia é considerada como uma carga, e a capacidade do reservatório para amorteceresta cheia é considerada como uma resistência que o reservatório oferece à sua propagação. Aqui, a carga e a resistência são modeladas como processo do tipo difusão, e utiliza-se a fórmula de Itô para calcular o volume de espera associado a umdeterminado risco de falha. A inferência dos parâmetros do modelo é feita por meio de inferência bayesiana usando-se o algoritmo de simulação de Monte Carlo em cardeiras de Markoy. Os estimuladores de máxima verossimilhança são usados paracomparação. O método foi aplicado para uma conjunto de dados utilizando-se nove anos de vazões afluentes diárias em período de cheia que chegam à usina de Xavantes. O volume de espera foi calculado pelo método proposto, usando-se descarga dereferência constante, e comparado com os volumes obtidos por outros métodos existentes. O método da curva volume x duração deixa um volume de espera constante durante todo o período chuvoso, usando-se somente 83,6% da capacidade do reservatório.O método proposto faz uma alocação dinâmica do volume de espera, utilizando-se 96.5% e 95.3% da capacidade do reservatório quando a abordagem bayesiana e o método de máxima verossimilhança são adotados, respectivamente. Dentre os métodospropostos ométodo bayesiano mostrou-se mais vantajoso em relação ao desperdício de energia devido à utilização da capacidade do reservatório. O método das trajetórias críticas necessita de séries com um comprimento significativo de vazõesdiárias, e na prática só pode ser aplicado com séries sintéticas de vazões
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.12.1998

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MEIRA, Silvana Aparecida; ANDRADE FILHO, Marinho Gomes de. Calculo do risco de falha no controle de cheias: uma abordagem por equações diferenciais estocásticas. 1998.Universidade de São Paulo, São Carlos, 1998.
    • APA

      Meira, S. A., & Andrade Filho, M. G. de. (1998). Calculo do risco de falha no controle de cheias: uma abordagem por equações diferenciais estocásticas. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Meira SA, Andrade Filho MG de. Calculo do risco de falha no controle de cheias: uma abordagem por equações diferenciais estocásticas. 1998 ;
    • Vancouver

      Meira SA, Andrade Filho MG de. Calculo do risco de falha no controle de cheias: uma abordagem por equações diferenciais estocásticas. 1998 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020