Exportar registro bibliográfico

A ictiofauna como indicadora da qualidade ambiental do complexo Billings, São Paulo (1998)

  • Authors:
  • Autor USP: COSTA, MARCELO PIRES - IB
  • Unidade: IB
  • Sigla do Departamento: BIE
  • Assunto: ECOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: O complexo Billings (23 graus 43'S; 45 graus 24'W) localiza-se na Bacia do Alto Tietê, Estado de São Paulo, sendo formado pelos reservatórios Billings (106,6 'km POT.2' de área), Rio das Pedras (7,9 'km POT.2') e Rio Grande (20,2'km POT.2'). A partir da década de 50, devido à inexistência de sistemas adequados de saneamento básico, o Reservatório Billings passou a receber grande quantidade de poluentes provenientes do bombeamento das águas do rio Pinheiros para o reservatório, através da Estação Elevatória de Pedreira. Em outubro 1992, por uma Resolução Estadual, este bombeamento ficou suspenso e limitado apenas a situações de necessidade de controle de cheias. O presente trabalho se utiliza de dados obtidos pela CETESB(Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental), e teve o objetivo de analisar a estrutura da comunidade de peixes e os parâmetros de qualidade da água em 8 pontos no período de novembro/92 a outubro/93. Durante o período de estudo, baixos valores foram bombeados até o mês de agosto, quando o maior bombeamento criou uma extensa mancha anaeróbia que cobriu cerca de 67% da área do Reservatório Billings. Um gradiente de aumento dos níveis de oxigênio dissolvido na água, e diminuição de nutrientes e metais pesados foi observado ao longo do reservatótio, demonstrando o processo de autodepuração de suas águas. A riqueza de espécies foi baixa (11 espécies), quando comparada a outros reservatórios da Bacia do Alto Tietê. A diversidade também foibaixa (H'= 0 a 2,7) devido à dominância de três espécies: tilapia do Nilo (Oreochromis niloticus), lambari (Astyanax eigenmanniorum) e cará (Geophagus brasiliensis) que representaram cerca de 90% dos indivíduos capturados.Os pontos de amostragem mais distantes da E.E. Pedreira apresentaram uma comunidade de peixes com maior riqueza e diversidade, evidenciando que, juntamente com o processo de autodepuração da água, ocorre uma recuperação da comunidade de ) peixes ao longo do reservatório. Esta hipótese é reforçada pela observação de correlação positiva entre a distância de Pedreira e o número de espécies (r=0,868) e a biomassa das espécies nativas (r=0,73) e correlação negativa (r=0,92) em relação à biomassa das espécies exóticas. O bombeamento mais intenso no mês de agosto foi o principal fator de desestruturação da comunidade no Reservatório Billings. Outros impactos identificados incluem a introdução de espécies exóticas, alteraçào de cadeia alimentar, contaminação dos sedimentos, aplicaçào de sulfato de cobre para controle de algas (restrito ao Reservatório Rio Grande), bioacumulação de contaminantes, pesca, florações de algas tóxicas e flutuação donível do reservatório. Comparado aos reservatórios Ponte Nova e Guarapiranga, também pertencentes a bacia do Alto Tietê, o Complexo Billings apresentou menor número de espécies autóctones, e maior número de espécies alóctones e exóticas, fatores indicadores de sua degradação. Baseado nos dados obtidos, sãopospostos características da comunidade de peixes indicadoras de alteração ambiental, uma classificação das espécies dos reservatórios do Alto Tietê segundo sua tolerância aos impactos ambientais e perspectivas de manejo das comunidades de peixes
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.12.1998

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      COSTA, Marcelo Pires da; SHIMIZU, Gisela Yuka. A ictiofauna como indicadora da qualidade ambiental do complexo Billings, São Paulo. 1998.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.
    • APA

      Costa, M. P. da, & Shimizu, G. Y. (1998). A ictiofauna como indicadora da qualidade ambiental do complexo Billings, São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Costa MP da, Shimizu GY. A ictiofauna como indicadora da qualidade ambiental do complexo Billings, São Paulo. 1998 ;
    • Vancouver

      Costa MP da, Shimizu GY. A ictiofauna como indicadora da qualidade ambiental do complexo Billings, São Paulo. 1998 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021