Exportar registro bibliográfico

Medida da atividade in vivo de formas específicas do CYPIIC em pacientes pré-cirúrgicos com insuficiência coronariana utilizando a tolbutamida como fármaco marcador (1998)

  • Authors:
  • Autor USP: PIETRO, GIULIANO DI - ICB
  • Unidade: ICB
  • Sigla do Departamento: BMF
  • Assunto: FARMACOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: A tolbutamida (TB), 1-butil-3-[p-toluilsulfonil]-urea, vem sendo usada como droga marcadora para medir a capacidade de hidroxilação do fígado. Sugere-se que o clearance de formação da hidroxitolbutamida (HOTB) e da carboxitolbutamida (COTB), dependa de formas seletivas e estreitamente relacionadas de citocromo P450 (CYP) da família IIC. O teste convencionalmente preconizado consiste na administração de dose única de tolbutamida, 500 mg PO pela manhã, após jejum de 12 horas, seguida de coleta de sangue e urina durante 48 horas. O modelo de um compartimento aberto foi aplicado para a investigação cinética da TB em plasma. O estudo foi completado com a excreção urinária da droga inalterada e biotransformada. Investigaram-se dezenove indivíduos: treze pacientes pré-cirúrgicos (3 F, 10 M), 70 kg e 166 cm de altura, com indicação para revascularização do miocárdio e circulação extra-corpórea, PACIENTES, e seis voluntários sadios (3F, 3M), pesando 69 kg e 166 cm, CONTROLE. Todos os indivíduos selecionados e incluídos no protocolo foram informados em detalhes previamente entregando o termo de consentimento para participação no estudo. O protocolo foi aprovado pelo Comitê de Ética do Hospital Escola da FMUSP. Colheram0se amostras de sangue nos períodos pré- e 0,5; 1,0; 1,5; 2,0; 4,0; 12,0; 24,0; 36,0; 48,0 horas da administração da TB. A diurese de doze horas foi colhida no intervalo de 0 - 48 horas para a investigação do metabolismo da droga marcadora. Determinaram-se asconcentrações de TB, HOTB e COTB, através da cromatografia líquida de alta eficiência em sistema automatizado, pela utilização de micrométodo que exigiu apenas 100 'mü'L de plasma ou urina. Estimaram-se os parâmetros farmacocinétics com base na curva de decaimento da concentração plasmática do fármaco em função do tempo. A biodisponibilidade sistêmica não apresentou diferença significativa entre os dois grupos (p>0,05; Mann-Whitney). Adicionalmente, ) para os parâmetros modelo dependentes e independentes calculados não se demonstrou também qualquer diferença entre os grupos sugerindo que a constante de velocidade de eliminação, a meia-vida biológica, a depuração plasmática e o volume de distribuição permaneçam inalterados nos pacientes. A excreção acumulada da tolbutamida mostrou-se reduzida em cerca de 50% nos PACIENTES sendo a primeira diurese (0 - 12 horas) crítica para indicar estas diferenças. A capacidade de hidroxilação expressa através da razão metabólica, MR, mostrou-se também significativamente reduzida nos PACIENTES. Desta foram sugere-se como segura e vantajosa a simplificação do teste da tolbutamida convencionalmente preconizada, com supressão da coleta de amostras sanguíneas e redução à primeira diurese 0-12 h para as coletas de urina. A alteração no metabolismo da droga marcadora do CYPIIC para os pacientes coronarianos, sugere acompanhamento cuidadoso destes pacientes no pós-operatório da cirurgia cardíaca pela redução de 50% na atividade datolbutamida-hidroxilase aqui registrada. Conseqüentemente, torna-se fundamental a individualização da terapia farmacológica, uma vez que no pós-operatório de cirurgia cardíaca os analgésicos de primeira escolha prescritos a estes pacientes são extensivamente biotransformados através do CYPIIC
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.11.1998

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PETRO, Giuliano di; SANTOS, Silvia Regina Cavani Jorge. Medida da atividade in vivo de formas específicas do CYPIIC em pacientes pré-cirúrgicos com insuficiência coronariana utilizando a tolbutamida como fármaco marcador. 1998.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.
    • APA

      Petro, G. di, & Santos, S. R. C. J. (1998). Medida da atividade in vivo de formas específicas do CYPIIC em pacientes pré-cirúrgicos com insuficiência coronariana utilizando a tolbutamida como fármaco marcador. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Petro G di, Santos SRCJ. Medida da atividade in vivo de formas específicas do CYPIIC em pacientes pré-cirúrgicos com insuficiência coronariana utilizando a tolbutamida como fármaco marcador. 1998 ;
    • Vancouver

      Petro G di, Santos SRCJ. Medida da atividade in vivo de formas específicas do CYPIIC em pacientes pré-cirúrgicos com insuficiência coronariana utilizando a tolbutamida como fármaco marcador. 1998 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021