Exportar registro bibliográfico

Estudo dos estágios iniciais da eletrodeposição de níquel, cobalto e suas ligas sobre substrato de carbono vítreo (1998)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CORREIA, ADRIANA NUNES - IQSC
  • Unidades: IQSC
  • Subjects: QUÍMICA; FÍSICO-QUÍMICA
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho consiste em estudos de eletrodeposição de ligas 'NI-CO' com diferentes proporções dos metais consituintes (5:1, 2:1, 1:1, 1:2 e 1:5) sobre substrato de carbono vítreo, em meio de cloreto e de sulfato. Foram efetuados experimentos de dissolução anódica, em meio amoniacal, dos eletrodepósitos obtidos por diferentes técnicas (voltametria cíclica, voltametria de varredura linear e cronoamperometria). Os resultados sugerem, em função da presença de picos em distintas regiões de potencial, que existe a formação de fases com composição variada, desde seus instantes iniciais. Realizou-se a caracterização física dos eletrodepósitos utilizando as técnicas de microscopia eletrônica de varredura, análise por energia dispersiva de raios-X e mapeamento por raios-X, tornando possível verificar a diversidade morfológica decorrente do aumento do conteúdo de cobalto no banho: passa-se de um aspecto nodular (quando somente níquel está presente) à deposição na forma de fibrilas (característico de eletrodépósitos de cobalto). Uma composição química relativa das ligas eletrodepositadas sempre correspondente às proporções dos metais no banho indica que a deposição de ligas 'NI-CO', nas condições experimentais empregadas, ocorre de forma regular. Partindo dos resultados voltamétricos preliminares, torna-se possível determinar a região de potencial adequada para a realização de saltos potenciostáticos nos sitemas estudados. A análise das famílias de transientes dasligas 'NI-CO' obtidas permitiram postular que o processo de nucleação, nestes casos, ocorre de forma progressiva, com crescimento tridimensional e controle difusional (com exceção das ligas 'NI-CO' 5:1 e 1:5, nas quais a nucleação dá-se instantaneamente). Em meio de sulfato, assumiu-se a proporção 1:2 como apresentando comportamento transitório, pois os resultados dos critérios de diagnósticos são discordantes, ora indicando nucleação instantânea ora progressiva. Levando-se em consideração os valores de sobrepotencial de eletrocristalização coincidentes, vê-se que (tanto em meio de cloreto, quanto em sulfato) a velocidade do processo de eletrocristalização de níquel é menor que aquela relativa ao cobalto. As ligas 'NI-CO' 2:1, 1:1 e 1:2 possuem um comportamento cinético próximo daquele observado no caso do níquel. Tratando-se das ligas 'NI-CO' 5:1 e 1:5, o número de núcleos formados tem a mesma ordem de grandeza nos dois meios estudados: comparando-se valores de sobrepotencial de eletrocristalização, a proporção 1:5 em meio de cloreto apresenta o maior número de núcleos formados. A caracterização física por microscopia eletrônica de varredura permitiu revelar núcleos com diversos diâmetros, mas não a coalescência em um tempo equivalente ao tempo de máximo nos transientes de corrente. Isto não está em concordância com o modelo teórico aqui adotado e levou a concluir que as imagens observadas, na verdade, são núcleos "maisvelhos" formados nos primeiros instantes do processo de eletrodeposição. Por experimentos de microscopia de força atômica, realizados sobre susbtrato de ouro depositado sobre (por "sputtering"), visualizou-se a coalescência (no tempo de máximo) de núcleos hemisféricos de níquel e de cobalto, em meio de cloreto e de sulfato, com diâmetros variando entre 10 e 50 nm
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.08.1998

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CORREIA, Adriana Nunes; MACHADO, Sergio Antonio Spinola. Estudo dos estágios iniciais da eletrodeposição de níquel, cobalto e suas ligas sobre substrato de carbono vítreo. 1998.Universidade de São Paulo, São Carlos, 1998.
    • APA

      Correia, A. N., & Machado, S. A. S. (1998). Estudo dos estágios iniciais da eletrodeposição de níquel, cobalto e suas ligas sobre substrato de carbono vítreo. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Correia AN, Machado SAS. Estudo dos estágios iniciais da eletrodeposição de níquel, cobalto e suas ligas sobre substrato de carbono vítreo. 1998 ;
    • Vancouver

      Correia AN, Machado SAS. Estudo dos estágios iniciais da eletrodeposição de níquel, cobalto e suas ligas sobre substrato de carbono vítreo. 1998 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020