Exportar registro bibliográfico

Análise das relações de proximidade em grupos de crianças através de árvores geradoras mínimas (1998)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERREIRA, RENATA GONÇALVES - IP
  • Unidades: IP
  • Sigla do Departamento: PSE
  • Subjects: INTERAÇÃO INTERPESSOAL; CRECHES; COMPORTAMENTO SOCIAL
  • Language: Português
  • Abstract: O estudo do comportamento infantil evoluiu nos últimos 70 anos de uma análise das variáveis individuais para uma abordagem das relacões sociais do grupo em que a criança está inserida. Dentre as relacões sociais, uma das mais estudadas é a relacão afiliativa entre coetâneos, que é geralmente denominada de "amizade". A maioria dos trabalhos têm em comum o fato de analisarem a afiliação no nível da relação didática, não verificando a estrutura do grupo. Afora isso existe uma grandevariedade dos indicadores de afiliação utilizados nos diversos trabalhos. O objetivo desse trabalho foi verificar as relações de proximidade de 3 grupos de crianças com idade variando entre 16 e 27 meses, através de Árvores Geradoras Mínimas (AGM). Esse método permitiu inferir estruturas de grupo, possibilitando a análise das relações entre mais de duas crianças. Para tanto, foram contabilizadas interações de Proximidade Física Espontânea e Atividade Conjunta. Os resultados mostraram que as relações inferidas a partir das Árvores Geradoras Mínimas apresentaram um padrão semelhante ao descrito na literatura com relação à influência das variáveis sexo, idade, média de idade do grupo, tempo de hospedagem na creche e tempo de convivência om o grupo. Porém, a influência de cada variável foi diferente ao longo do tempo de consolidação da relações, reforçando a importância de uma análise qualitativa. As Árvores revelaram uma estrutura de grupo organizada em torno de vértices centrais, mas aquantidade de interações que cada indivíduo apresentou dependeu do grupo no qual ele esteve inserido. As estruturas sociais construídas a partir dos dois tipos de interação foram diferentes, permitindo sugerir que a Atividade Conjunta é um indicador mais adequado das relações afiliativas de crianças nessa faixa etária
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.08.1998

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERREIRA, Renata Gonçalves; BUSSAB, Vera Sílvia Raad. Análise das relações de proximidade em grupos de crianças através de árvores geradoras mínimas. 1998.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.
    • APA

      Ferreira, R. G., & Bussab, V. S. R. (1998). Análise das relações de proximidade em grupos de crianças através de árvores geradoras mínimas. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Ferreira RG, Bussab VSR. Análise das relações de proximidade em grupos de crianças através de árvores geradoras mínimas. 1998 ;
    • Vancouver

      Ferreira RG, Bussab VSR. Análise das relações de proximidade em grupos de crianças através de árvores geradoras mínimas. 1998 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020