Exportar registro bibliográfico

A remanência magnética e a textura cristalográfica em ímãs sinterizados tipo Sm'Co IND.5' (1998)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MACHADO, ROGÉRIO - EP
  • Unidades: EP
  • Sigla do Departamento: PMT
  • Subjects: MATERIAIS
  • Language: Português
  • Abstract: Neste trabalho foram analisadas 19 amostras provenientes de um conjunto de 12 ímãs, 6 deles obtidos via compactação uniaxial e 6 outros via compactação isostática, com o objetivo de correlacionar a remanência magnética à textura cristalográfica. A textura cristalográfica foi obtida com ajuda da técnica de difração de raios-X através da determinação de figuras de pólo e de difratogramas. Com os dados das figuras de pólo do plano (002) da fase Sm´Co IND.5´ foram gerados 19 perfis de alinhamento. Com os perfis de alinhamento foram determinados os valores do índice de alinhamento 'G IND.f'= . O ângulo 'qui' foi definido como o ângulo entre a direção [001] do cristal de Sm´Co IND.5´ e a direção de magnetização. Comos dados dos difratogramas foram geradas 18 curvas de densidade de pólo. Com as curvas de densidade de pólo foram determinados os índices de alinhamento 'sigma' e 'G IND.d'. O primeiro índice está associado ao desvio padrão da gaussiana ajustadaaos dados da curva de densidade de pólo. O segundo índice foi derivado do primeiro a partir da aplicação de uma transformação adequada. O índice de alinhamento 'G IND.d' foi criado para permitir uma comparação direta com os valores dos índices'G IND.f' e 'G IND.m'= 'J IND.r'/'J IND.s'. A correlação entre a textura cristalográfica e a remanência magnética foi realizada por meio da comparação dos valores dos índices 'G IND.f', 'G IND.d' e 'sigma' com os valores do índice 'G IND.m'. A comparação dos valores dos 4índices de alinhamento levou a explorar-se uma possível existência de um novo componente microestrutural. Junto a isso apresenta-se a localização de uma linha de difração ainda não identificada. São indicadas, também, uma diferenciação entre a direção de corte e a direção de magnetização do ímã, pela aplicação do índice 'G IND.f', e, uma possível variação do alinhamento das partículas ao longo da direção longitudinal dos compactados ) (uniaxiais e isostáticos)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.04.1998

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MACHADO, Rogério; LANDGRAF, Fernando José Gomes. A remanência magnética e a textura cristalográfica em ímãs sinterizados tipo Sm'Co IND.5'. 1998.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.
    • APA

      Machado, R., & Landgraf, F. J. G. (1998). A remanência magnética e a textura cristalográfica em ímãs sinterizados tipo Sm'Co IND.5'. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Machado R, Landgraf FJG. A remanência magnética e a textura cristalográfica em ímãs sinterizados tipo Sm'Co IND.5'. 1998 ;
    • Vancouver

      Machado R, Landgraf FJG. A remanência magnética e a textura cristalográfica em ímãs sinterizados tipo Sm'Co IND.5'. 1998 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020