Exportar registro bibliográfico

Influência da velocidade de sedimentação na determinação dos coeficientes de agregação e ruptura durante a floculação (1998)

  • Authors:
  • Autor USP: BRITO, SEUSSY ANDRADE - EESC
  • Unidade: EESC
  • Sigla do Departamento: SHS
  • Assunto: ÁGUA (QUANTIFICAÇÃO;MODELAGEM MATEMÁTICA)
  • Language: Português
  • Abstract: A modelação matemática da floculação visa estimar o desempenho desta operação em unidades em escala real. Para isso é necessária a determinação de alguns coeficientes para cada água em particular, através de experimentos executados em laboratório. Em 1970, ARGAMAN e KAUFMAN propuseram um modelo matemático cujos coeficientes de agregação e ruptura ('K IND.A' e 'K IND.B') foram calculados com os resultados obtidos em ensaios em escala piloto, com reatores de escoamento contínuo. Visando a simplificação da determinação destes coeficientes, DRATBY et al. (1977) apresentaram uma equação para prever o desempenho da floculação, que possibilitou a determinação dos valores de 'K IND.A'e 'K IND.B' com os resultados de ensaios realizados em reatores estáticos. Foram aplicados, no presente trabalho, dois métodos para calcular os valores de 'K IND.A' e 'K IND. B': o MEAR (Método da Equação da Agregação e Ruptura) e o MPDPG (Método da Primeira Derivada Parcial da Equaçào da floculação em relação ao Gf). Com os resultados do estudo experimental concluiu-se que a velocidade de sedimentação dos flocos influi na determinação dos coeficientes 'K IND.A' e 'K IND.B' para ambos métodos. Também foram feitas comparações entre os valores de turbidez e o número de partículas da água de estudo e dos sobrenadantes após os ensaios de coagulação, floculação e sedimentação em reatores estáticos. Os resultados apresentaram diferenças na determinaçào dos coeficientes de agregaçào e ruptura aose utilizar os valores de turbidez remanescente em substituição ao número de partículas primárias
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.04.1998

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BRITO, Seussy Andrade; DI BERNARDO, Luiz. Influência da velocidade de sedimentação na determinação dos coeficientes de agregação e ruptura durante a floculação. 1998.Universidade de São Paulo, São Carlos, 1998.
    • APA

      Brito, S. A., & Di Bernardo, L. (1998). Influência da velocidade de sedimentação na determinação dos coeficientes de agregação e ruptura durante a floculação. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Brito SA, Di Bernardo L. Influência da velocidade de sedimentação na determinação dos coeficientes de agregação e ruptura durante a floculação. 1998 ;
    • Vancouver

      Brito SA, Di Bernardo L. Influência da velocidade de sedimentação na determinação dos coeficientes de agregação e ruptura durante a floculação. 1998 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021