Exportar registro bibliográfico

Identificação e grupamento das madeiras serradas empregadas na construção civil habitacional na cidade de São Paulo (1997)

  • Authors:
  • Autor USP: ZENID, GERALDO JOSÉ - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: SD
  • Subjects: TECNOLOGIA DA MADEIRA; CONSTRUÇÃO CIVIL
  • Language: Português
  • Abstract: Com o objetivo de contribuir para aumentar e melhorar o uso da madeira serrada na construção civil habitacional, foram identificadas botanicamente e reunidas em grupos de uso final as madeiras que estão sendo comercializadas/utilizadas para esse fim, na cidade de São Paulo. Foram visitados 42 distribuidores de madeira e 22 obras de edifícios de vários pavimentos e conjuntos populares, onde foram coletadas 345 amostras de madeira e informações gerais sobre as empresas. A identificação botânica foi realizada através da anatomia do lenho das amostras coletadas foram identificadas 57 espécies de madeira (espécies ou grupos de espécies de difícil distinção na prática), provenientes, principalmente, da Amazônia. Foram identificadas cinco espécies provenientes de reflorestamento: Cuningâmia, Cupressus, Eucalipto. Grevílea e Pinus. Tal variedade, reflexo da heterogeneidade das florestas tropicais, não está presente na freqüência percentual de espécies em relação ao total de amostras coletadas, pois somente 15 espécies representaram das amostras coletadas, dentre destas, espécies tradicionais como pinho-do-paraná, péroba-rosa, ipê e jatobá. Das madeiras de reflorestamento, somente o Pinus teve participação importante. Diversos erros de identificação foram constatados, principalmente, entre as construtoras. Esses erros ocorrem mais freqüentemente nas madeiras destinadas a usos temporários (andaimes, escoramentos etc). Dentre as informações gerais coletadasdestacam-se o setor nào utiliza especificações, estabelecidas por entidades normalizadoras, para dimensões e qualidades das peças, o tratamento químico preservante é pouco praticado e há preocupações com relação à secagem da madeira. Os principais problemas apontados pelas empresas estão relacionados à comercialização (alto preço da madeira e do transporte) e à qualidade (deficiência no processamento, defeitos naturais e mistura de espécies). As madeiras foram ) reunidas em grupos de usos finais de acordo com as informações dos entrevistados e de acordo com o critério proposto no estudo, que está baseado nos níveis das propriedades de madeiras tradicionalmente utilizadas na construção civil habitacional (pinho-do-paraná, péroba-rosa, imbuia)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.03.1997
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ZENID, Geraldo José; CHIMELO, João Peres. Identificação e grupamento das madeiras serradas empregadas na construção civil habitacional na cidade de São Paulo. 1997.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 1997. Disponível em: < https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11149/tde-20191218-140415/ >.
    • APA

      Zenid, G. J., & Chimelo, J. P. (1997). Identificação e grupamento das madeiras serradas empregadas na construção civil habitacional na cidade de São Paulo. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11149/tde-20191218-140415/
    • NLM

      Zenid GJ, Chimelo JP. Identificação e grupamento das madeiras serradas empregadas na construção civil habitacional na cidade de São Paulo [Internet]. 1997 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11149/tde-20191218-140415/
    • Vancouver

      Zenid GJ, Chimelo JP. Identificação e grupamento das madeiras serradas empregadas na construção civil habitacional na cidade de São Paulo [Internet]. 1997 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11149/tde-20191218-140415/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021