Exportar registro bibliográfico

Interação no discurso de sala de aula: Projeto NURC (1997)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, LUIZ ANTONIO DA - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLC
  • Subjects: PORTUGUÊS DO BRASIL; SOCIOLINGUÍSTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Atualmente, tem havido grande interesse em pesquisar questões relativas ao ensino/aprendizagem. Ainda que não se trate de uma pesquisa que vise a aspectos, propriamente, pedagógicos, nosso trabalho tem por objetivo estudar a interação entreprofessor e aluno(s) no discurso de sala de aula. Foi nossa preocupação penetrar na intimidade do que acontece dentro das quatro paredes de uma sala de aula, enquanto o professor interage com seus alunos, objetivando levar adiante o processoensino/aprendizagem. Dessa forma, delimitamos três aspectos dessa interação: conversação; preservação das faces; polifonia. Ao tratarmos o primeiro - conversação -, analisamos as bases interacionais da comunicação entre professor e aluno. Assim,foi nossa preocupação definir quem são os interlocutores da conversação de sala de aula: professor e aluno. Expusemos também as estratégias de gestão de turno, identificando quem é quem na sala de aula, quem controla a palavra, quem e como sedistribuem os turnos, quais as conseqüências de um assalto ao turno. Verificamos que o sistema de perguntas e respostas é muito comum na conversação entre professor e alunos para possibilitar a interação. Estabelecemos uma tipologia a quedenominamos perguntas didáticas. Quando estudamos o segundo aspecto - preservação da face - foi nossa preocupação ver até que ponto esse jogo de ameaça e preservação da face interfere na interação entre professor e alunos. Foi possível estudaroimportante papel do professor. A ele cabe distribuir os turnos, estimular os alunos a falar ou fazê-los aquietar, verificar o canal de entendimento. Dessa forma, pela própria posição que ocupa no contexto de sala de aula, o professor tem suaface ameaçada e, constantemente, ameaça a face de seus alunos. Estudamos quais os mecanismos utilizados para preservar a face ou para atenuar as ameaças. O terceiro aspecto - polifonia - trata da heterogeneidade do discurso de sala de aula. ) Verificamos que o discurso do professor não é monológico, embora, por vezes, assim pareça. Para levar adiante nossos objetivos, utilizamos oito inquéritos do Projeto NURC, de São Paulo e do Rio de Janeiro, do tipo EF (ElocuçõesFormais). Esse corpus engloba aulas gravadas tanto no segundo quanto no terceiro grau, em diversas disciplinas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.08.1997

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Luiz Antônio da; PRETI, Dino Fioravante. Interação no discurso de sala de aula: Projeto NURC. 1997.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1997.
    • APA

      Silva, L. A. da, & Preti, D. F. (1997). Interação no discurso de sala de aula: Projeto NURC. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Silva LA da, Preti DF. Interação no discurso de sala de aula: Projeto NURC. 1997 ;
    • Vancouver

      Silva LA da, Preti DF. Interação no discurso de sala de aula: Projeto NURC. 1997 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021