Exportar registro bibliográfico

Projeção cervical do esmalte: aspectos morfológicos e suas implicações clínicas. Estudos macroscópico, estereomicroscópico, microscópico óptico e eletrônico de varredura a partir da amostragem de mil dentes portadores (1997)

  • Authors:
  • Autor USP: MELO, NILCE SANTOS DE - FOB
  • Unidade: FOB
  • Sigla do Departamento: BAL
  • Assunto: PATOLOGIA BUCAL
  • Language: Português
  • Abstract: Uma seleção de mil dentes humanos portadores de projeção cervical do esmalte foi resgatada do banco de dentes do Departamento de Patologia da Faculdade de Odontologia de Bauru-USP. O escopo desta seleção foi realizar uma amostragem direcionada, significativa, para delinear a morfologia deste distúrbio do desenvolvimento. Os mil dentes foram submetidos às análises macroscópica e estereomicroscópica. A partir da amostragem principal, 20 dentes foram submetidos à microscopia óptica por cortes por desgaste e 20 outros dentes foram metalizados e examinados em microscopia eletrônica de varredura. A partir de um minucioso estudo e análise crítica da literatura pertinente e aplicando-se a metodologia proposta para analiar mil dentes portadores, verificou-se, pela tabulação dos dados obtidos: 1 - a projeção cervical do esmalte classicamente encontra-se em molares, mas pode estar, eventualmente, presente em outros grupos dentários; 2 - manifesta-se mais freqüentemente na face vestibular dos denes (83,6%) de forma triangular e contínua, do tipo classe I, atingindo os molares inferiores (63,4%), embora apresente-se com alto percentual nos molares superiores (36,6%); 3 - não se estabelece em associação com outra anomalia de desenvolvimento ou condição patológica presente nos tecidos dentários, exceção feita à pérola de esmalte, por razões de eptiopatogenia, e anatomicamente à bifurcação por motivos morfoembrionários; 4 - apresenta irregularidade superficial, de contornoe relação variável com o cemento circunjacente; 5 - as projeções cervicais de classe III têm uma relação física importante com a bifurcação, em função de suas irregularidades; as de classe II representam o menor índice de prevalência encontrado, nesta amostra e em consonância com a literatura. As conclusões advindas deste estudo são: 1 - a projeção cervical do esmalte representa uma heteroplasia, um distúrbio do desenvolvimento, facilmente encontrada e em ) sua maioria apresenta morfologia simples, do tipo classe I; 2 - apesar da simplicidade das formas da maioria das projeções estudadas, a projeção cervical do esmalte apresenta irregularidade superficial intensa, transformando-se em área de fácil deposição da placa dentobacteriana e portanto, implicada na instalação e progressão da doença periodontal; 3 - a projeção cervical do esmalte topograficamente também pode estar implicada na etiopatogenia dos cistos para dentários e das lesões endoperiodontais. A partir de raciocínios teóricos, pode-se inferir da projeção cervical do esmalte: 1 - esta displasia reflete alterações genéticas desconhecidas e provavelmente refere-se a um fenômeno de regressão atávica; 2 - a irregularidade acentuada do esmalte da projeção pode significar um resgate mnemônico da capacidade formadora das células de nossos ancestrais, os répteis primitivos; a marcada predileção da projeção cercical do esmalte pela face vestibular, também pode refletir um mecanismo atávico; 4 - aprojeção cervical do esmalte pode representar um prolongamento da atividade dos ameloblastos formadores da coroa ou ser o resultado de um distúrbio no processo de segmentação da bainha epitelial de Hertwig; 5 - a despeito de todas estas afirmações o mecnismo de formação da projeção cervical do esmalte permanece desconhecido. A dificuldade de diagnóstico precoce deste distúrbio do desenvolvimento aumenta a importância do conhecimento de sua morfologia, do pronto reconhecimento desta entidade anatômica pelo cirurgião-dentista, de forma a estabelecer parâmetros de avaliação para instituição de tratamento, quando se fizer necessário
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.06.1997

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MELO, Nilce Santos de; CONSOLARO, Alberto. Projeção cervical do esmalte: aspectos morfológicos e suas implicações clínicas. Estudos macroscópico, estereomicroscópico, microscópico óptico e eletrônico de varredura a partir da amostragem de mil dentes portadores. 1997.Universidade de São Paulo, Bauru, 1997.
    • APA

      Melo, N. S. de, & Consolaro, A. (1997). Projeção cervical do esmalte: aspectos morfológicos e suas implicações clínicas. Estudos macroscópico, estereomicroscópico, microscópico óptico e eletrônico de varredura a partir da amostragem de mil dentes portadores. Universidade de São Paulo, Bauru.
    • NLM

      Melo NS de, Consolaro A. Projeção cervical do esmalte: aspectos morfológicos e suas implicações clínicas. Estudos macroscópico, estereomicroscópico, microscópico óptico e eletrônico de varredura a partir da amostragem de mil dentes portadores. 1997 ;
    • Vancouver

      Melo NS de, Consolaro A. Projeção cervical do esmalte: aspectos morfológicos e suas implicações clínicas. Estudos macroscópico, estereomicroscópico, microscópico óptico e eletrônico de varredura a partir da amostragem de mil dentes portadores. 1997 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020