Exportar registro bibliográfico

Crescimento e absorcao mineral em explantes de bananeira (musa sp. Aab), cv prata ana, in vitro (1997)

  • Authors:
  • Autor USP: DINIZ, JOSEFA DIVA NOGUEIRA - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LHO
  • Subjects: FITOTECNIA; PLANTAS CULTIVADAS (FISIOLOGIA); FRUTICULTURA
  • Language: Português
  • Abstract: 60 dias de cultivo. Em todos os nutrientes observou-se que a maior taxa de absorção ocorreu durante os primeiros 20 dias de cultivo, com exceção do Mn, cuja absorção permaneceu constante durante todo o cultivo. P foi o nutriente mais rapidamente absorvido pelos propágulos extraindo 75% do inicial do meio, aos 30 dias de cultivo, usando sua absorção aos 50 dias, com 9% remanescente no meio. Todos os micronutrientes foram fornecidos em quantidades suficientes para o desenvolvimento dos propágulos, no entanto, com base nas quantidades de Zn, Mn, Cu e B remanescentes no meio, pode-se afirmar que os mesmos estavam em excesso. Para o cultivo in vitro de explantes de bananeira no meio Ms, a proporção de P pode ser duplicada, enquanto que as concentrações dos micronutrientes: Zn, Mn, Cu e B, podem ser reduzidas, para a obtenção de maiores taxas de crescimento. Os propágulos desenvolvidos no meio MS apresentaram bom desenvolvimento em altura, número de folhas e gemas, com poucas raízes e boas condições nutricionais aos 30 dias, indicando que o período recomendável para a realização da repicagem deve ser em torno dessa dataFoi estudado in vitro a absorção de nutrientes minerais por explantes de bananeira cv. Prata Anã, em função do período de tempo de cultivo, visando fornecer subsídios para ajuste do meio de cultura e estabelecimento do melhor período de repicagem. O cultivo de gemas apicais foi realizado em meio semi-sólido contendo macro, micronutrientes e vitaminas de Murashige & Skoog (1962), durante 60 dias foram utilizados sete tratamentos representados pelos períodos de 0, 10, 20, 30, 40, 50 e 60 dias de cultivo, com três repetições, avaliando-se nos propágulos os seguintes parâmetros: altura das plantas, número de gemas, número de raízes e variação do pH do meio durante o preparo e durante o cultivo, no rizoma, pseudocaule, folhas e nos propágulos inteiros, também fresca e seca, os teores de macronutrientes (N, P, K, Ca, Mg e S); teores de micronutrientes (B, Cu, Fe, Mn e Zn) e as quantidades de nutrientes absorvidas. Com base nos resultados obtidos, observou-se que as massas da matéria fresca e seca e o crescimento em altura dos propágulos aumentaram até os 60 dias, sendo este aumento maior nos primeiros 10 dias, enquanto que o número de folhas e gemas até os 30 dias, data em que se estabilizou e o número de propágulos com raízes começou a aumentar significativamente. O pH do meio de cultura variou durante o preparo após a adição do gás aquecimento e esterilização em autoclave. Com a inoculação dos explantes, o pH decresceu de 5,61 para 4,0 aos cinco dias, permanecendo estável até os
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.02.1997
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DINIZ, Josefa Diva Nogueira; MINAMI, Keigo. Crescimento e absorcao mineral em explantes de bananeira (musa sp. Aab), cv prata ana, in vitro. 1997.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 1997. Disponível em: < https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-20200111-132649/ >.
    • APA

      Diniz, J. D. N., & Minami, K. (1997). Crescimento e absorcao mineral em explantes de bananeira (musa sp. Aab), cv prata ana, in vitro. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-20200111-132649/
    • NLM

      Diniz JDN, Minami K. Crescimento e absorcao mineral em explantes de bananeira (musa sp. Aab), cv prata ana, in vitro [Internet]. 1997 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-20200111-132649/
    • Vancouver

      Diniz JDN, Minami K. Crescimento e absorcao mineral em explantes de bananeira (musa sp. Aab), cv prata ana, in vitro [Internet]. 1997 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-20200111-132649/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021