Exportar registro bibliográfico

Análise biomecânica do joelho humano no desempenho de suas funções dinâmicas (1993)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: HAYEK, IBRAHIM REDA EL - EEFE
  • Unidades: EEFE
  • Sigla do Departamento: EFB
  • Subjects: BIOMECÂNICA
  • Language: Português
  • Abstract: Através do trabalho procurou-se desenvolver uma analise biomecanica da articulação do joelho humano no desempenho de suas funções dinâmicas. Foram 3 os objetivos almejados: a) realizar um estudo dinamométrico da variação do torque isocinético para os grupos musculares flexores e extensores do joelho em função da variação angular e da variação da velocidade angular; b) efetuar comparações entre os desempenhos mecânicos dos movimentos bilaterais (lado esquerdo x lado direito) e entre os grupos musculares antagônicos (flexores x extensores) do joelho; c) determinar a resultante de forca do grupo muscular extensor do joelho na situação onde ocorrer o torque rotacional maximo. Participaram da amostra experimental 12 atletas do sexo masculino, praticantes de futebol de salão, categoria adulta, da equipe principal, da sociedade esportiva palmeiras de São Paulo. A avaliação dinanométrica foi realizada através de um dinamômetro isocinético tipo Cybex 340 e as características antropométricas foram obtidas através de radiografias do perfil medial do joelho de cada testando. Os testes foram executados para movimentos de flexão e extensão do joelho direito e esquerdo para três velocidades: 60, 180 e 300 graus/s. Foi idealizado um modelo físico-anatômico da articulação do joelho para a determinação indireta da força resultante do grupo muscular extensor, e efetuados os cálculos desta força apara o ângulo que apresentou o torque máximo de cada testando. Foram obtidos os seguintes resultados: a) os torques máximos aconteceram para a velocidade de 60 graus/s, resultando num valor médio de 256 N.m '+ OU -' 16 para os extensores do joelho, isto num ângulo de extensão de 61 graus '+ OU -' 2 em média; (Continua)(Continuação) b) os torques máximos diminuiam com o acréscimo da velocidade; c) as potências médias aumentaram com o acréscimo da velocidade; d) a relação torque flexor/torque extensor atingiu 60% '+ OU -' 2 em média; e) não foram encontradas diferenças significativas (p< 0.05) entre os desempenhos bilaterais; f) a força muscular do grupo extensor do joelho foi calculada em 4718 N '+ OU -' 263 em média, o que representa aproximadamente 6,3 vezes o peso corporal médio. Os resultados apresentados permitem concluir pela validade e confiabilidade da aplicação do modelo físico-anatômico idealizado para o cálculo de forças musculares internas, respeitadas as suas limitações intrínsecas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.11.1993

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      EL HAYEK, Ibrahim Reda; AMADIO, Alberto Carlos. Análise biomecânica do joelho humano no desempenho de suas funções dinâmicas. 1993.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1993.
    • APA

      El Hayek, I. R., & Amadio, A. C. (1993). Análise biomecânica do joelho humano no desempenho de suas funções dinâmicas. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      El Hayek IR, Amadio AC. Análise biomecânica do joelho humano no desempenho de suas funções dinâmicas. 1993 ;
    • Vancouver

      El Hayek IR, Amadio AC. Análise biomecânica do joelho humano no desempenho de suas funções dinâmicas. 1993 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020